Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

Além do treino, isto irá lhe ajudar a baixar o pace

Além do treino, isto irá lhe ajudar a baixar o pace

Nem todos os corredores são competitivos. Mas no íntimo de cada um existe o desejo de correr bem e, por que não, baixar o tempo na corrida com um recorde pessoal. 

Para se conquistar um recorde ou um tempo de prova, a largada é fundamental. Já passei mais de duas horas dentro de um curral de corrida para largar bem. É sofrido, mas necessário.

Aquela maratona sub-3 que você conseguiu fazer, o cronômetro eternizado na foto pode estar mostrando 3h01 ou mais. Isso porque o cronômetro da largada e chegada são acionados no momento da buzina ou tiro de canhão como na Maratona de Nova York e eles refletem o tempo bruto.

Em uma edição da Maratona de Nova York com 32 mil participantes larguei tão bem — e corri melhor ainda — que meu tempo líquido foi de 2:58:10 contra os 2:58:20 registrados e eternizados na foto de chegada.

 

Leia mais

Bandagens elásticas: acredite com moderação

Musculação ou aeróbio: o que é melhor para perder peso?

Sobrevivente de câncer, senhor se classifica para Jogos Seniores 2019

 

Como baixar o tempo na corrida antes de começar a correr

– As vantagens de estar perto do pórtico é que você pode desenvolver o ritmo pretendido desde o ínício. Não precisará fazer os estressantes e perigosos zigues-zagues para se desviar dos mais lentos. A corrida flui desde o começo.

– Entre as dicas, leve uma garrafinha de água para se hidratar durante a espera. O celular para navegar pela internet ou escutar música para se entreter é muito bem-vindo.

– Procure ficar nas laterais, onde dá para ficar encostado nas grades, economizando energia e evita aquele vai-e-vem dos retardatários do curral que chegam em cima da hora, mas ficam pedindo licença para se posicionarem na frente de quem chegou antes.

– Também é ideal contar com um amigo corredor dentro do curral para bater um papo e amenizar ansiedade pela largada. Aproveite o tempo livre de espera e cheque seus cadarços de tênis e zere o cronômetro ou GPS. Enfim, esteja pronto para o tiro de largada.

– Se você quer correr com o tempo bruto, o relógio tem que ser acionado logo que a buzina é ouvida. Caso queira correr com o tempo líquido, o botão “start” do relógio deve ser acionado ao passar pelo tapete de largada.

Como se vê, são dicas simples, mas que fazem a diferença. Principalmente se você quer marcar o tempo desejado e deixá-lo eternizado na foto de chegada!

Os textos, informações e opiniões publicados nesse espaço são de total responsabilidade do autor. Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Ativo.com

Sobre o autor

Harry Thomas Jr

Jornalista especializado em corridas de rua desde 1999, Harry competiu pela primeira vez em 1994 e desde então já completou 28 maratonas – sendo três sub 3 horas: São Paulo (2h59min30)... VEJA MAIS

Compartilhe por email!