Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

Biomassa de banana verde tem muitos benefícios; aprenda a fazer

Foto: Biomassa de Banana Verde

Versátil e saborosa, a banana é uma das frutas mais queridas no Brasil. Ao amadurecer, ela perde parte de seus nutrientes, mas há uma forma de aproveitar o máximo suas propriedade. É consumir o alimento como biomassa, quando ainda está verde.  

A biomassa de banana verde é fácil de cozinhar. Basta cozinhar a banana verde sem remover a casca.

Além de preservar vitaminas, minerais e fibras, a biomassa pode ser adicionada a receitas doces e salgadas sem alterar o sabor, e ser uma substituta da farinha de trigo.

Os benefícios da biomassa de banana verde

A biomassa de banana verde é rica em amido resistente, uma espécie de fibra que o aparelho digestivo não consegue digerir. “Por não ser processada, ela serve de alimento para as bactérias benéficas do intestino, contribuindo para o desenvolvimento da microbiota intestinal. Consequentemente, a imunidade melhora e o risco de câncer no intestino diminui”, explica a nutricionista Paula Vieira Marinho.

O alimento pode prevenir doenças cardiovasculares e controlar a diabetes, pois é um carboidrato complexo de baixo índice glicêmico. “E ainda ajuda no processo de emagrecimento, já que a sensação de saciedade dura por mais tempo”, acrescenta Marinho. 

 

Leia mais

Como recuperar a motivação para voltar aos treinos

Ergoespirometria, o teste que indica a real situação física do atleta

Da caminhada à corrida: 5 dicas para ajudar você nessa transição

 

Antes ou depois do treino?

Para quem corre ou pratica outras atividades, o ideal é consumir a biomassa antes do treino, já que nela prevalecem carboidratos complexos de baixo índice glicêmico.

“A ingestão de qualquer nutriente sempre terá relação com a estrutura do plano alimentar de cada indivíduo, mas os carboidratos complexos desse alimento ajudam a manter  a curva glicêmica sem picos maiores, sendo benéfico para dar energia durante todo o treino”, pontua Paula.

Apesar dos benefícios, consumir o alimento em excesso pode levar ao aumento de peso. Segundo a SCIRO (Organização de Pesquisa Científica e Industrial da Austrália), o recomendado é consumir aproximadamente 70 g por dia — ou seja, de 3 a 4 colheres de sopa.

 

Faça a biomassa de banana verde em casa

  • Você precisará de bananas verdes que não tenham passado por processo de aclimatação. Pergunte a atendente antes de comprar a fruta.
  • Separe as bananas do cacho com uma faca ou tesoura. Preserve os talos — as bananas precisam estar inteiras.
  • Lave-as com esponja, água e sabão. Enxague bem.
  • Encha uma panela de pressão com água até a metade. Espere ferver, acrescente as bananas e tampe. Quando começar a soltar o vapor pela válvula, baixe o fogo e cozinhe por 10 minutos.
  • Desligue o fogo. Não abra a panela nem a coloque sob a água da torneira. A pressão deve ser liberada naturalmente.
  • Depois de retirar da panela, descasque a fruta ainda quente com ajuda de um garfo e bata no liquidificador ou no processador até obter uma pasta. Se estiver difícil de bater, acrescente um pouco de água fervente (não pode ser a água do cozimento).
  • Se não for consumir a biomassa imediatamente, congele-a em forminhas de gelo.

 

 

 

Calendário

Encontre um evento de corrida perto de você!

excluir cat: nao, desativa sempre post: nao, ativa sempre post: nao
Compartilhe por email!