Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

Maratona de Chicago: Mo Farah vence e faz história

O britânico Mo Farah entrou para a história neste domingo ao vencer a Maratona de Chicago. Em sua terceira prova de 42k, ele cruzou a linha de chegada com o tempo de 2h05min11s e foi recebido com um forte abraço pela esposa.

Correndo com o nome de “Sir Mo”, ele se desprendeu do pelotão dos líderes nos últimos cinco quilômetros ao lado do etíope Geremew Bayih e, nos metros finais, arrancou para vencer a prova. Bayih foi o segundo, seguido pelo japonês Suguru Osako.

Leia mais

Vai correr a Maratona de Chicago? Saiba tudo sobre a prova

Maratona de Chicago terá participação de Mo Farah

O americano Galen Rupp, vencedor em Chicago no ano passado, ficou com a quinta colocação. O duelo entre ele e Mo Farah era muito esperado, já que os dois foram treinados juntos recentemente por Alberto Salazar em um projeto da Nike no Oregon.

Mesmo com a fina chuva que castigou a terceira cidade mais populosa dos Estados Unidos, o campeão ainda fez a sua melhor marca em maratonas – a anterior tinha sido 2h06min21s em Londres esse ano, quando ficou com a terceira colocação.

“Foi incrível conquistar essa vitória. Estava com um ótimo condicionamento, o ritmo era bom e agora quero aproveitar muito esse momento único”, falou o britânico momentos após vencer a Maratona.

Entre as mulheres, a prova foi dominada pelas atletas africanas, que ficaram com as cinco primeiras posições. A vencedora foi a queniana Brigid Kosgei, com o tempo de 2h18min35s, quase três minutos a menos que a etíope Roza Dereje.

Kosgei esteve sempre no pelotão da frente e conseguiu se desvencilhar na reta final para vencer com relativa facilidade. Shure Demise, Florence Kiplagat e Veronicah Nyaruai ficaram com a terceira, quarta e quinta colocações, respectivamente.

A Maratona de Chicago faz parte do seleto grupo das Majors, ao lado de Nova York, Boston, Tóquio, Berlim e Londres. Veloz e com percurso quase totalmente plano por suas ruas, avenidas e parques, é perfeita para que os atletas de ponta busquem as melhores marcas de suas carreiras.

A cidade presenciou quatro recordes mundiais da maratona (número atrás apenas de Berlim) e batalhas inesquecíveis em seus mais de 40 anos de vida. Seus atuais recordes da prova são mais que expressivos: 2h03min45s do queniano Dennis Kimetto em 2013, e 2h17min18s da inglesa Paula Radcliffe em 2002.

 

Classificação Final: Maratona Masculina
1 – Mo Farah (GBR): 2h05min11s
2 – Geremew Bayih (ETH): 2h05min24s
3 – Suguru Osako (JAP): 2h05min50s
4 – Kenneth Kipkemoi (KEN): 2h05min57s
5 – Galen Rupp (USA): 2h06min21s

Classificação Final: Maratona Feminina
1 – Brigid Kosgei (KEN): 2h18min35s
2 – Roza Dereje (ETH): 2h21min18s
3 – Shure Demise (ETH): 2h22min15s
4 – Florence Kiplagat (KEN): 2h26min08s
5 – Veronicah Nyaruai (KEN): 2h31min34s

Confira a classificação completa aqui.

Clube O2

Economize ainda mais com o Clube O2

excluir cat: nao, desativa sempre post: nao, ativa sempre post: nao
Compartilhe por email!