Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

Altra Torin 3.5: falta beleza, sobra conforto

Altra Torin 3.5: falta beleza, sobra conforto

A Altra Running é uma marca que nasceu em 2009 com duas características marcantes: drop zero em todos os modelos e o desenho da forma absurdamente largo. A marca apresentou a nova coleção no Running Event, em Austin, e aproveitei para comprar o Altra Torin 3.5, modelo que já está no mercado norte-americano.

A marca, sediada na cidade de Logan, em Utah, aos poucos vem ganhando mais espaço em lojas especializadas em corrida, e os corredores também querem sentir se o drop zero e a forma larga dos modelos fazem diferença em relação aos concorrentes de outras marcas.

O Torin 3.5 é um modelo que no quesito beleza não merece qualquer comentário. Mas analisando tecnicamente, o tênis é espetacular. Forma larga, em que os dedos ficam espalhados e os pés completamente confortáveis.

A espuma da entressola é muito macia e com certeza os designers melhoraram e muito a densidade da borracha do solado, deixando a também mais macia. Dessa forma o tênis cumpre papel de absorção de impacto, e com estabilidade, na aterrisagem da passada. Valeu o investimento.

A minha primeira experiência com um Altra foi em 2013 e, confesso, traumática. Comprei um modelo que a marca fez com características para o público do triathlon chamado 3 Sun 1.5. Com certeza foi o tênis que menos corri de todos que tive. Não cheguei a 5km de corrida e parei.

Era como se o solado fosse feito de madeira. Entressola e solado eram extremamente rígidos. Eu doei o tênis. Após esta experiência, fiz uma segunda tentativa, experimentando um modelo chamado The Olympus no Mundial do Ironman , no Havaí em 2014. Novamente a mesma sensação de estar correndo em cima de dois tamancos. Pensei comigo: “esses caras da Altra fazendo esses tipos de tênis extremamente rígidos estão pedindo para a marca falir”.

Torin 3.5 acabou com o trauma que eu tinha da Altra

Desde então nunca mais havia colocado um par no pé devido ao trauma. No início deste ano, a Altra lançou o Torin 3.5. Li algumas avaliações de quem testou, falando muito bem da maciez e conforto. Em algumas avaliações, ele era superior ao Hoka Clifton. E vi alguns triatletas correndo provas de Ironman com o Torin. Se tinha atleta correndo os 42km com ele após as pernas virem moídas dos 180km de ciclismo, certamente o tênis estava mais macio. Daí minha vontade de comprar o modelo.

Podemos considerar o desembarque oficial da Altra Running no Brasil, entre junho e julho de 2019, quando alguns modelos da marca poderão ser encontrados em lojas de corrida.

O Torin será um dos modelos da Altra que serão comercializados no Brasil, e quando chegar já deverá ser o 4.0. Eu devo experimentar este novo modelo que estreia no mercado americano ainda este ano, além do Escalante, considerado um modelo de performance. Vamos ver se o novo Torin irá manter as boas características do 3.5.

O Torin é um modelo de amortecimento para treinos diários, que também pode ser utilizado em provas, principalmente de longa distância, para quem prioriza o conforto

Altra Torin 3.5

Categoria: Amortecimento
Pisada: Neutra
Drop: Zero (24mm calcanhar e frente)
Peso: 279gr – (Tamanho 11 US = 42.5 BR)
Finalidade: Treinos diários e provas de curtas e longas distâncias
Mais informações: www.altrarunning.com

 

Leia mais

On Cloudstratus: modelo mais macio da marca chama a atenção

Marca americana Altra Running é vendida para o grupo VF

New Balance 1500: marca apresenta 3 atualizações de uma vez

Os textos, informações e opiniões publicados nesse espaço são de total responsabilidade do autor. Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Ativo.com

Sobre o autor

Rodrigo Roehniss

Graduado em Administração de Empresas com MBA em Gestão em Marketing Esportivo, Rodrigo Roehniss é especialista em tênis de corrida, além de prestar consultoria sobre o universo de pro... VEJA MAIS

Compartilhe por email!