Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

As disputas dentro das disputas

As disputas dentro das disputas

Me causou excelente impressão os desafios “dentro das corridas” criados pela X3M, organizadora no Brasil do circuito XTerra, que corri neste último sábado (8), na cidade litorânea de Ilhabela (SP).

A grosso modo, consiste em criar disputas dentro de provas. O bacana é que esses desafios podem ser feitos tanto por profissionais como por amadores. E podem ser por etapas ou conjugados. Por exemplo: há o “Desafio XTerra de Ilha pra Ilha”, que premia o atleta que participar da mesma modalidade nas duas etapas (Ilhabela e Ilha Comprida) e tiver o menor tempo somado. O dono do melhor desempenho ganha um óculos da Oakley.

Já a “Batalha Suunto” depende de sorte e de performance: antes da largada, são sorteados quatro atletas da categoria Pro Elite, sendo que o mais rápido entre eles ganha um belo – e caro – Suunto Ambit 3 Sport.

Eis um bom exemplo para aumentar a competitividade em nossas corridas. Que tal em uma prova de 10 km o organizador premiar o atleta que passar em primeiro na marca dos 5 km e, para que ele não pare de competir logo depois, exigir que ele deva finalizar a prova em um top 5 ou top 10? Ou seja, premia o rápido, mas pune aquele que se acomodar na sequência da disputa.

São sugestões e exemplos que tornam as corridas mais competitivas, dando um reconhecimento maior aos atletas, sejam eles profissionais ou amadores.

Os textos, informações e opiniões publicados nesse espaço são de total responsabilidade do autor. Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Ativo.com

Sobre o autor

Harry Thomas Jr

Jornalista especializado em corridas de rua desde 1999, Harry competiu pela primeira vez em 1994 e desde então já completou 31 maratonas – sendo três sub 3 horas: São Paulo (2h59min30)... VEJA MAIS

Compartilhe por email!