Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

Calor ou frio: quando usar?

Calor ou frio: quando usar?

Devido a essas dúvidas, vamos falar do tema e desvendar esses mistérios. Para podermos abordar essas questões precisamos, inicialmente, ver os conceitos de cada agente físico (calor e o frio):

Frio (gelo)

Crioterapia (gelo) – qualquer uso do gelo para fins terapêuticos é chamado de crioterapia. Ou seja, é feita a aplicação terapêutica do gelo (ou substancia fria) no corpo. Isso resulta em remoção do calor corporal, diminuindo assim, a temperatura dos tecidos.

Usos

– Redução de dor, edema e hipóxia secundária à lesão em casos agudos;

– possibilidade de exercício ativo mais cedo na reabilitação de uma entorse articular;

– Redução da dor e do espasmo em lesão muscular;

– Redução de dor, edema e hipóxia secundária à lesão, decorrente de cirurgia ortopédica;

– Redução de dor e cólicas durante a menstruação;

Efeitos fisiológicos do frio:

– Diminuição da temperatura;

– Diminuição do metabolismo;

– Efeito anti-inflamatório;

– Efeito circulatório;

– Diminuição da dor;

– Diminuição do espasmo muscular;

– Aumento da rigidez articular.

Importante:

A resposta imediata às aplicações de frio é o resfriamento dos tecidos.

Se o resfriamento for intenso o suficiente (de -20° C a -70° C), o tecido é destruído. Durante a aplicação da fisioterapia esportiva, o tecido em geral é resfriado a uma temperatura superficial de 1° C a 10° C. O resfriamento a essa temperatura causa as reações teciduais desejadas para o tratamento. A aplicação de modo intermitente após a lesão, juntamente com compressão, elevação e repouso (RICE – rest, ice, compression e elevation), reduz muito das condições adversas imposta pela lesão. Em 30 minutos, atinge-se à profundidade de 4 cm a 5 cm.

Calor

A indicação da termoterapia , resposta do corpo ao calor, depende do tipo de energia térmica aplicada, da intensidade dessa energia, da duração da aplicação e da resposta específica do tecido ao calor. Pouca quantidade não provoca mudanças. Calor em excesso pode danificar os tecidos.

Efeitos do calor

– Aumento da flexibilidade dos tecidos de colágeno (extensibilidade);

– Diminuição da rigidez articular;

– Redução da dor;

– Alívio do espasmo muscular;

– Intensificação do fluxo sanguíneo;

– Aumento de permeabilidade capilar;

As temperaturas da pele são influenciadas pelo tipo do meio aplicado ao tratamento (calor ou frio), pela condutividade do tecido, pela quantidade de fluxo sanguíneo na área e pela velocidade que o calor é disperso. Para evitar danos ao tecido a temperatura nunca deve exceder 47° C, por não mais que 30 minutos.

Quando tenho dor, o que eu faço?

Coloque gelo, por alguns motivos:

– é analgésico;

– evita que a lesão aumente (por meio da diminuição do metabolismo),

– pela profundidade que ele pode atingir sem danificar a pele.

Além disso, o calor é um recurso muito limitado para utilização em casa, pois para conseguir chegar à região afetada, a temperatura do calor tem que ser a mesma por 30 minutos, isso é impossível em casa. Além do grande risco de danificar a pele.

Na coluna, calor ou frio?

A coluna não é diferente de nenhum outro tecido músculo esquelético do corpo humano, então se usa frio também para o tratamento.

Como aplicar o gelo?

Existem dois recursos que são usados, hoje, para aplicação do gelo:

– colocar gelo em uma bolsa ou em um saco plástico;

– usar a bolsa de gelo (com gel);

– Saco plástico com gel é muito eficiente, desde que você faça com cubos pequenos de gelo, para moldar toda a região da lesão. Mantenha de 20 a 30 minutos, dependendo da região (Ex: coluna, joelho, ombro, tornozelo – 30 minutos, para cotovelos e, para punhos, 20 minutos).

– Bolsa de gelo (gel) é ótima, porém temos que tomar alguns cuidados: tem várias marcas no mercado de bolsa, olhem as instruções de como mantê-la no freezer.

IMPORTANTE: NUNCA UTILIZAR BOLSA SE O GEL ENDURECER, porque as bolsas de gelo (gel) têm propriedades físicas onde a temperatura fica abaixo de 0°C. Como muitos freezers de casa não têm como controlar a temperatura – que ideal seria entre -12°C a -16°C – se o gel endurecer, quer dizer que seu freezer esta com a temperatura mais baixa do que isso.

– Para utilização da bolsa de gelo (gel) coloca-se um papel toalha ou pano bem fino entre a pele e o gelo, aplicando ele, moldando a região, mantendo de 20 a 30 minutos, dependendo da área (Ex.: coluna, joelho, ombro, tornozelo – 30 minutos; cotovelos, punhos

– 20 minutos).

Os textos, informações e opiniões publicados nesse espaço são de total responsabilidade do autor. Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Ativo.com

Sobre o autor

Carlos Roberto Mó

É formado em fisioterapia, com especialidade na área esportiva, em ortopedia e distúrbio do sistema músculo esquelético. Como atleta amador, praticou corrida de aventura entre 2005 e 20... VEJA MAIS

Compartilhe por email!