Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

Correr “encordado” na montanha, pode?

Correr “encordado” na montanha, pode?

Tenho visto muitos atletas correndo “encordados”, “guinchados” ou “clipados” uns aos outros. Ou seja, conectados por um pedaço de elástico ou corda em provas, como o Shoio e Ana Paula Miyazaki nessa foto aqui em cima durante o El Origen Aconcágua.

Para saber se essa estratégia é legal e se traz vantagens em relação a quem não está “encordado” fui conversar com Sidney Togumi, ultramaratonista e treinador da seleção brasileira de trail running.

Segundo ele, essa é uma prática que migrou da corrida de aventura para a corrida de montanha e não existe uma regra geral para a sua adoção pelos atletas ou pelas organizadoras de provas.

“É preciso observar sempre o regulamento. Provas como a Transalpine e o El Origen permitem. Já o Desafio das Serras, não. Correr conectado a um outro atleta não significa que você está puxando quem vem atrás, mas apenas determinando um ritmo. Funciona como um pacer e para ser eficiente os dois atletas precisam ser capazes de sustentar a mesma velocidade”, explica Togumi.

E ela gera vantagens em relação a quem corre livre, leve e solto? “É mais ou menos como utilizar bastões: ajuda, pois facilita estabelecer um ritmo em trechos mais críticos ou estratégicos. A opção por sua adoção depende de cada atleta. Tem gente que não gosta. Mas, se o regulamento permitir, acho válido recorrer ao encordamento”, conclui Sidney Togumi.

Resumindo: correr “encordado” ajuda, sim, e pode ser uma carta na manga na hora em que o bicho pegar na montanha. Isso, claro, desde que a sua utilização esteja explícita nas regras da prova. Vale conferir antes.

 

Leia mais

Cuidando dos pés judiados pela corrida

Na montanha, caminhar também é correr

Abre para passar!

Os textos, informações e opiniões publicados nesse espaço são de total responsabilidade do autor. Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Ativo.com

Sobre o autor

Karen Kornilovicz

Bacharel em Jornalismo, é blogueira e trail runner. Após mais de uma década correndo no asfalto, em 2011 trocou a rua pela montanha. Há um ano, descobriu também a mountain bike e a corr... VEJA MAIS

Compartilhe por email!