Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

Nike Epic React: prós e contras da novidade

Nike Epic React: prós e contras da novidade

A Nike fez um grande barulho desde o início da divulgação do modelo Nike Epic React, seu lançamento mais recente. Estou usando o modelo desde o começo de fevereiro. Desde o primeiro uso, o tênis se mostrou muito confortável, com e sem meias. Começando pelo cabedal em flyknit, o ponto positivo é a boa ventilação e a drenagem de água na parte da frente. O colar de calce, sem enchimento de espuma e com a borda do colar elástica, se molda com facilidade na área do calcanhar e tornozelo, oferecendo bom suporte. Outro ponto a favor do tênis é seu grip e tração no asfalto seco e molhado.

O fator negativo são os passadores do cadarço muito estreitos e achatados, o que dificulta o ajuste. Troquei o cadarço por um com a espessura mais fina do que o original, o que tornou o ajuste da amarração mais fácil (foto abaixo). A espuma de entressola desenvolvida com a tecnologia React é macia e estável: o solado é uma extensão da entressola e, juntos, formam uma peça única. O solado tem uma base em borracha somente na área do calcanhar e no antepé, cujo objetivo é trazer mais durabilidade nas principais áreas de contato na aterrissagem e decolagem da corrida.


Se por um lado o Nike Epic React é macio, estável e muito confortável, por outro, seu solado se desgasta rapidamente na área de espuma, onde não há borracha. No começo achei que o modelo de teste estava com algum defeito ou com um tipo fadiga de material na composição da espuma. Com apenas 30 km de corrida leve, era nítido o desgaste. Acompanhando as análises de outros corredores que testaram o tênis no Brasil e ao redor do mundo, percebi que esse fator negativo era comum.
Não sei se ocorreu algum problema durante a produção, no que diz respeito a composição da espuma, mas este é o primeiro par de tênis que tenho e apresenta um desgaste rápido e prematuro com quase nada de rodagem. Veja a foto:

Nike Epic React

Algumas marcas que priorizam maior composição de espuma nos solados de alguns modelos que produzem, como o Hoka Clifton, Hoka Hupana, Saucony Kinvara e alguns da Skechers, também possuem o mesmo problema de durabilidade. Porém, todos são mais resistentes do que o Nike Epic React nesse quesito. Se não fosse esse defeito, o Nike Epic React seria mais um modelo da marca esportiva para brigar com alguns concorrentes diretos. Agora resta aguardar um posicionamento da marca e que a próxima edição tenha a imperfeição corrigida.

Ficha técnica Nike Epic React

Categoria: Amortecimento
Pisada: Neutra
Drop: 10 mm (28 mm calcanhar/ 18 mm frente)
Peso: 221 g (41 masc.)/ 187 g (38 fem.)
Finalidade: Treinos diários e provas de curtas e longas distâncias

 

Leia mais

Descubra qual a frequência cardíaca ideal para emagrecer

Musculação e corrida: tudo bem treinar os dois juntos?

Os textos, informações e opiniões publicados nesse espaço são de total responsabilidade do autor. Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Ativo.com

Sobre o autor

Rodrigo Roehniss

Graduado em Administração de Empresas com MBA em Gestão em Marketing Esportivo, Rodrigo Roehniss é especialista em tênis de corrida, além de prestar consultoria sobre o universo de pro... VEJA MAIS

Compartilhe por email!