Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

Por que você se movimenta?

Por que você se movimenta?

Os treinos começam a fazer parte de nossa rotina diária, assim como tomar banho, escovar os dentes, trocar de roupa e almoçar. Ao entrar no modo automático, tornamos a atividade física um hábito, que se bem planejado e orientado, nos traz uma dezena de benefícios já amplamente conhecidos.

Quanto mais semanas, meses e anos consecutivos seguimos firmes com os treinos, cumprindo perto de 100% das planilhas, mais difícil será a desistência. Esta não é uma missão fácil, mas não existe uma maneira mágica e atalhos que podem encurtar este caminho.

Acordar cedo todos os dias, lutando contra o sono e nossa natureza, que é um imã que nos puxa para o repouso com o objetivo de economizar nossa energia; sair do escritório após horas extenuantes de trabalho; deixar sua família em casa e ir para a rua correr 30 minutos; tudo isso só faz sentido quando temos clara a razão pela qual optamos por tomar estas decisões diariamente.

Para facilitar existem algumas estratégias poderosas para isso:

  1. Encontrar um propósito forte e verdadeiro alinhado com seu projeto pessoal.
  2. Estabelecer metas concretas relevantes e não tirar o foco delas, nos blindando de uma artilharia pesada lançando fogo contra nós.
  3. Definir submetas, como qual o treino do dia, alguns desafios intermediários que nos levarão à nossa meta maior, ou ao nosso grande sonho.
  4. Perceber os efeitos positivos da corrida em nosso corpo e mente, como a sensação de bem-estar, criatividade, saúde e muitos outros.
  5. Valorizar cada minuto que conseguimos nos dedicar a nós mesmos, comemorando quando terminamos cada sessão de treino. Aproveitar o momento para nos conhecermos melhor e esquecermos dos problemas externos, limpando a mente e liberando todo o estresse no suor.
  6. Viver nossa própria vida, sem nos preocupar em ficar competindo desnecessariamente e sem viver o sonho dos outros. Devemos nos ajudar, inspirando e motivando quem está ao nosso redor respeitando as diferenças físicas e de objetivos.

Bons treinos e bora pra cima, galera!

Leia mais

Aproveite bem o final do ciclo competitivo

Treino de força para corredores: recomendações práticas

Hábitos que limitam o sucesso no esporte

Os textos, informações e opiniões publicados nesse espaço são de total responsabilidade do autor. Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Ativo.com

Sobre o autor

Rodrigo Lobo

Bacharel em Educação Física pela Escola de Educação Física da Universidade de São Paulo; sócio-diretor da Lobo Assessoria Esportiva; palestrante de temas sobre qualidade de vida, tre... VEJA MAIS

Compartilhe por email!