Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

Qual o tênis ideal para sua corrida?

Qual o tênis ideal para sua corrida?

Tenho certeza de que você que é corredor já se fez essa pergunta. Nesses últimos 35 anos, correndo e orientando alunos na corrida, fui questionado por vários sobre qual seria o melhor tênis. Mas por que essa dificuldade de definir qual o melhor calçado de corrida?

Para escolher um tênis, primeiro precisamos respeitar o princípio básico “da singularidade”: todo indivíduo (no nosso caso, todo corredor) é diferente, em termos morfológicos, estruturais e fisiológicos. Cada um de nós se adapta de maneira diferente à corrida, na passada, formato dos pés, pernas e outras estruturas.

Mais magros, mais altos, mais fortes, mais baixos, mais pesados ou mais fracos muscularmente. Com níveis cognitivos e cinestesia diferentes (entendimento neuromotor do movimento por parte do cérebro e criação de uma resposta adequada de movimento).

Definido o perfil pessoal como corredor, é hora de partir para a busca de um tênis que atenda às necessidades de peso, passada (pronador severo, pronador leve, neutro e supinador), características biomecânicas do movimento específico da corrida, tipo de treino ou competição.

O passo seguinte é experimentar o tênis, colocá-lo no pé e ver quão confortável ele é para você. Muitas lojas especializadas oferecem o test-drive do calçado escolhido por meio de uma corrida ou caminhada na esteira.

Leia mais

Tênis de corrida: panorama das marcas no Brasil de A a Z

Existe o tênis definitivo para correr e não se lesionar?

Tênis de leve estabilidade: 9 sugestões para treinos e provas

E é aí que conseguimos dar um grande passo em direção ao tênis ideal: sentir que ele é confortável, não machucará pés, unhas, dedos, calcanhares etc. O conforto é essencial na escolha! Normalmente, corredores mais experientes têm um gosto por modelos específicos, já experimentados antes.

Aí a coisa fica mais fácil. Porém, os fabricantes estão inovando continuamente, em termos de materiais, mecânica e amortecimento, entre outros. Mudanças sutis em um modelo específico em geral são para melhor. Mas grandes alterações fazem com que o corredor tenha que se adaptar à novidade, ou até que procurar um modelo novo.

Como atleta profissional de triathlon e como treinador, sempre tive patrocínios de material esportivo, incluindo tênis. E sempre tentei escolher os que mais se adaptavam às minhas necessidades de performance e conforto. Além da obrigação profissional – sempre achei importante conhecer a fundo os tênis do meu patrocinador.

Mas não ser apoiado ou patrocinado tem também suas vantagens: você pode procurar e escolher, em uma gama enorme de modelos de calçados de corrida, aqueles que são os tênis ideais para seus pés, objetivos e, inclusive, para o seu bolso.

Leia mais

Tênis de corrida: panorama das marcas no Brasil de A a Z

Existe o tênis definitivo para correr e não se lesionar?

Tênis de leve estabilidade: 9 sugestões para treinos e provas

Os textos, informações e opiniões publicados nesse espaço são de total responsabilidade do autor. Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Ativo.com

Sobre o autor

Marcello Butenas

Marcello Butenas é treinador de triathlon e de corrida desde 1990 e é diretor técnico da Butenas Assessoria Esportiva. Como atleta foi vice-campeão brasileiro de triathlon em 1991, tetra... VEJA MAIS

Compartilhe por email!