Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

Treino de crossfit e tempo seco: como conviver

Treino de crossfit e tempo seco: como conviver

Clima seco e treino de crossfit, uma dupla que certamente dá o que falar. No meu caso, sofro muito e fico buscando alternativas para aumentar o bem-estar em tempos de poucas chuvas. E você, como lida com isso?

Dificuldade para respirar, fôlego curto, rachaduras, alergias. O clima seco, especialmente para quem não está acostumado com ele, é um obstáculo tanto para nos sentirmos bem no dia a dia quanto para manter a qualidade no treino de crossfit. Já sofri e ainda sofro muito com isso, especialmente com os resfriados e as alergias respiratórias. Com você acontece o mesmo? Como você lida com essa dupla “falta de chuva” x “necessidade de hidratação do corpo”?

 

Leia mais

Crossfit: sem espelho, sem ego

Treino e hidratação: saiba por que se preocupar

Cinco coisas que aprendi sobre o corpo de crossfit

 

Tem chovido pouquíssimo em São Paulo e o ar, obviamente, está muito seco. Haja saúde! Os principais problemas que eu percebo nesse tipo de clima:

  • Nariz super seco
  • Secreção espessa que dificulta a respiração
  • Alergias
  • Boca seca
  • Rachaduras nos lábios
  • Coceiras nos olhos
  • Resfriados
  • Pele seca

Pra mim, o pior é manter a mucosa hidratada: sem líquido, o muco fica espesso e não consegue limpar o ar como esperado. Essa condição facilita tanta alergia e resfriado, daí a importância de cuidar das vias respiratórias. Tem que ficar esperto e fazer o possível para não perder a umidade natural do corpo. Eu pratico a Jala Neti, ou seja, a limpeza das narinas que aprendi no Yoga. Uso soro fisiológico morno e faço a prática (dá uma olhadinha no fim do post que eu explico como fazer). E, durante o dia, mantenho com algum tipo de soro que possa ser levado comigo, em spray, por exemplo.

Para a garganta, que também sofre pacas nesta época, muita água. E aí vale para o corpo todo: muita hidratação! A dra. Nathalia Duarte, médica do esporte, sempre me recomenda lembrar da glutamina e da vitamina C, além da água durante todo o dia, pra manter a hidratação e o equilíbrio do corpo. Se sinto que minha imunidade está prestes a baixar acrescento um shot de gengibre, limão e extrato de própolis à noite. O que não pode é baixar a guarda. Se sentir que o rendimento do seu treino de crossfit está baixando, dá uma olhada na sua rotina de hidratação. E como já falamos aqui: a chave é ir de golinho em golinho!

Já tentou o Jala Neti?

Para quem não conhece, o Jala Neti é a limpeza das narinas, feita com água morna ou soro fisiológico também morno, normalmente usando um Lota, que se assemelha a um bule, com um bico fino que permite ao líquido entrar mais facilmente na cavidade nasal. Você se curva à frente, inclina levemente a cabeça para o lado e leva o líquido por um dos orifícios nasais.

A ideia é que ele saia pelo outro lado, lavando as narinas. Depois eu repito do outro lado. Pode parecer estranho e incômodo para quem nunca fez, mas é muito simples! E os benefícios são espetaculares: melhora a hidratação, limpa o muco e elimina a poluição, melhora todo o aparelho respiratório e inclusive atua nos ouvidos e nos olhos, já que eles são super afetados pelo excesso de secreção e pela falta de umidade do corpo. Que tal tentar?

Os textos, informações e opiniões publicados nesse espaço são de total responsabilidade do autor. Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Ativo.com

Sobre o autor

Fernanda Surian

Professora de inglês e português para estrangeiros, competidora de crossfit, apaixonada por viajar, escrever e compartilhar. Vivendo e aprendendo cada vez mais sobre performance para uma v... VEJA MAIS

Compartilhe por email!