Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

Treino no final de ano: como encarar o período do verão sem erros

Treino no final de ano: como encarar o período do verão sem erros

Alguns amam o verão, estação que tem tudo a ver com a atividade física e o cuidado com a saúde. Outros, nem tanto. As temperaturas e a umidade altas acabam sendo vilãs para quem não se prepara para enfrentá-las.

Esta época do ano nos remete a algumas peculiaridades, tais como a fuga dos esconderijos e a intensificação da vida social, o cuidado com a saúde, as festas, férias, descanso e reflexões. 

Esse é um dos momentos mais favoráveis para cuidarmos de nossa saúde. Normalmente sentimos menos vontade de comer guloseimas, podemos aproveitar as atividades aquáticas e ao ar livre. 

Aproveite este momento para ter uma rotina de treinamentos e corrigir os maus hábitos alimentares. Incentive as crianças e os jovens à prática de atividades esportivas, tais como andar de bicicleta, jogar bola com os amigos, brincar na piscina, em vez de passarem horas na frente do computador e da televisão.

Temos o ano inteiro para cuidar de nossa saúde por meio da prática regular de atividades físicas, do controle da alimentação, do equilíbrio emocional. Mas, a partir do momento em que esses cuidados não são tomados, a decepção e o desespero começam a nos incomodar. Em alguns casos, é possível contornar a situação por meio de muita dedicação e esforço, já em outros, é necessária uma reformulação mais complexa dos hábitos e da rotina.

 

Leia mais

Americano de 72 anos completa a 2.000ª maratona de sua vida

Norueguês vence em Fukuoka com marca histórica

Como se preparar para as subidas da São Silvestre?

 

Para entendermos melhor esse fato, uma analogia pertinente pode ser feita com o ambiente escolar. No colégio ou faculdade, quem não levar a sério as atividades e acumular tudo no final, corre sérios riscos de precisar fazer a recuperação, já quando o problema é mais sério, a reprovação é certa. Em ambas as circunstâncias, o estresse acaba sendo o grande vilão.

Para os reprovados, recomendo fortemente que reflitam sobre o ocorrido. Estabeleçam novas metas e procurem ajuda de profissionais especializados (médicos, nutricionistas, educadores físicos psicólogos etc), pois reprovações sucessivas podem resultar em quadros irreversíveis.

Por outro lado, ainda há tempo para os que ficaram de recuperação. A recomendação para o grupo dos “preguiçosos” é não deixar a atividade física em segundo plano e tampouco descontrolar a alimentação.

Já para o grupo dos “bagunceiros”, sugiro que tomem cuidado com o abuso de treinos para tentar recuperar a boa forma, evitando assim possíveis surpresas desagradáveis.

Quem passou de ano sem grandes obstáculos, mantendo-se ativo, seguindo uma dieta saudável e respeitando as horas mínimas de sono, pode aproveitar com moderação tudo o que a estação e as festas oferecem em vez de sofrer com as privações. Essa é uma das recompensas mais desejadas por todos.

Antes de sair por aí correndo, nadando ou jogando, faça um exame médico completo e procure um profissional capacitado para orientá-lo:

  • Beba bastante água
  • Use protetor solar
  • Use roupas leves
  • Evite alimentos gordurosos

Aproveitem bem o verão, porém, antes de pensar em prejudicar o corpo com o excesso de bebidas e as tentações calóricas das festas, captem a boa energia da estação, cuidem da saúde e comecem 2018 com a mente leve e o corpo saudável.

Os textos, informações e opiniões publicados nesse espaço são de total responsabilidade do autor. Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Ativo.com

Sobre o autor

Rodrigo Lobo

Bacharel em Educação Física pela Escola de Educação Física da Universidade de São Paulo; sócio-diretor da Lobo Assessoria Esportiva; palestrante de temas sobre qualidade de vida, tre... VEJA MAIS

Compartilhe por email!