Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

Você tem apenas que começar!

Você tem apenas que começar!

Mark Zuckerberg, em seu histórico discurso na formatura da turma de 2017 da Universidade de Harvard, focou na geração millennial e nos empreendedores cravando em única frase a essência de seu speech,: “você tem apenas que começar!”. É um recado que, para nós da corrida, remete a ‘dar o primeiro passo’.

Se vai começar aos trancos e barrancos ou da forma mais perfeita possível, não importa. O importante é que devemos apenas começar.

E neste comecinho de janeiro é hora de colocar o bloco na rua antes do Carnaval e retomar ou iniciar os treinos. O mês que abre o ano é perfeito para esse primeiro passo. As festividades, recessos e férias já passaram e o ideal é que você comece as corridas assim que possível.

Não se desespere se não conseguir treinar hoje ou amanhã. Ainda dá tempo para compensar e começar. Mas é preciso começar.

A primeira meta é ser realista. Não precisa, de cara, fazer cinco, seis sessões de treinos. Mas procure garantir três corridas por semana. Se o tempo for escasso, sugiro correr às quartas-feiras, sábados e domingos que dá liga, garanto. Isso vale para um iniciante ou avançado. Mas lembre-se: apenas comece.

Muitos se retraem num círculo vicioso. ‘Não consigo acompanhar a turma ou correr 5 km direto, então não vou treinar’. Apenas comece e se lembre que muitos estão no mesmo ou em pior patamar atlético neste pós-festas de fim de ano, com quilos a mais e pace a menos.

Janeiro é a base. É aquilo que olhamos em fevereiro e vemos o que começamos a tirar do papel os planos de poucos dias atrás. Não precisa ser perfeito, mas feito. E quando vemos que atingimos um bom percentual do ‘feito’ dentro da meta traçada, a motivação cresce bastante para o resto do ano.

Com esse impulso, fevereiro entra mais desafiador – vamos notar que as dores no pós treino diminuíram ou a recuperação se tornou mais rápida. Vemos que ao subir no pique a escada já não ficamos tão ofegantes. O talher que caiu no chão não dói tanto para ser recuperado.

Fevereiro correndo solto, vem março mais chuvoso e ameno.

Se mandou ao menos três  sessões por semana terá conseguido chegar no primeiro ciclo de 90 dias ou 12 semanas com 36 dias de corrida.

O tempo não espera e janeiro é a hora. Para isso, a tarefa número um, como Zuck endossou o que nossas avós já sabiam é: ‘você tem apenas que começar!’.

Leia mais

15 fatos que marcaram a corrida em 2019

Centros médicos de excelência prestam serviços para corredores

O que eu gosto no Circuito das Estações

Os textos, informações e opiniões publicados nesse espaço são de total responsabilidade do autor. Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Ativo.com

Sobre o autor

Harry Thomas Jr

Jornalista especializado em corridas de rua desde 1999, Harry competiu pela primeira vez em 1994 e desde então já completou 31 maratonas – sendo três sub 3 horas: São Paulo (2h59min30)... VEJA MAIS

Compartilhe por email!