O que comem os atletas de elite?

Atualizado em 30 de dezembro de 2022

Para chegar no resultado desejado, todo atleta precisa de “combustível”. As dietas podem variar bastante dependendo da região onde nasceram, distância das provas e, claro, gostos pessoais.  Mas sempre bate uma curiosidade sobre o que vai no prato dessa gente, não é mesmo?

 

Então a seguir vamos ver exemplos de alguns astros do atletismo:

 

Elaine Thompson-Herah

A jamaicana bicampeã olímpica dos 100m e 200m não segue o plano alimentar o tempo todo, mas um de seus objetivos é que seja completo e inclua todos os principais macronutrientes. É difícil prever sua dieta devido a vários fatores, incluindo viagens e cronograma de treinamento, mas os princípios de sua dieta são os mesmos. 

  • Refeição pré-treino: leite, feijão e/ou carnes magras em pão integral, frutas e nozes
  • Lanche pré-treino: água, barra de granola com baixo teor de gordura e frutas
  • Durante a prática ou competição: água a cada 20 minutos de atividade; bebida esportiva com eletrólitos por hora
  • Lanche pós-treino: Fruta, iogurte e barra de granola; pretzels ou bagel com manteiga de amendoim; ou barra de substituição de refeição com proteínas e carboidratos
  • Refeição pós-treino: Carne magra ou peixe grelhado, legumes e massa integral, arroz ou pão
  • Lanche da noite: frutas, fatias de queijo ou leite com chocolate

Leia mais sobre a atleta aqui

Usain Bolt

Um dos maiores nomes de todos os tempos, o astro Bolt come, basicamente, os itens da lista abaixo para se manter como o homem mais rápido do mundo.

  • Café da Manhã: sanduíche de ovo.
  • Almoço: massa e carne em conserva ou peixe.
  • Lanche: manga, abacaxi e maçãs ao longo do dia.
  • Janta: bolinhos jamaicanos, vegetais e frango assado.

Leia mais sobre o atleta aqui

Athing Mu

A jovem atleta meio-fundista norte-americana, campeã olímpica e mundial dos 800 metros tem alguns itens diferenciados dentro da sua rotina de alimentação.

  • Café da manhã: leite baixa gordura, ovos ou frutas e um hambúrguer vegetal
  • Almoço: arroz, vegetais frescos e peixe grelhado
  • Lanche da tarde: suco, nuts e frutas secas
  • Janta: vegetais, Chapattis (pão típico da culinária indo-portuguesa) salada verde fresca, frutas da estação, água de côco ou suco de fruta e chocolate amargo de sobremesa

Leia mais sobre a atleta aqui

Eliud Kipchoge

Outro bicampeão olímpico, da Maratona, o queniano tem uma alimentação simples e que talvez seja surpreendente pensando no grande esforço que ele necessita fazer nos treinos e competições.

  • Café da manhã: “Meu café da manhã, na verdade, é simples. O que quero dizer com simples é que normalmente tomo chá, como pão e uma banana, talvez três dias por semana. Mas durante os dias pesados, três vezes por semana, tomo chá, como algumas frutas, uma banana também e ovos para repor a energia perdida e, sobretudo, para reparar os tecidos musculares rompidos (no treino). “
  • Almoço: “No almoço como arroz com batata e feijão.”
  • Jantar: “À noite, normalmente como um alimento básico do Quênia, que é o ugali, e talvez um ensopado de carne com um pouco de sukuma ou repolho e de repente tomo um copo de leite. Às vezes, mursik, outras vezes leite normal.”

Leia mais sobre o atleta aqui

E você, já pensou no que está botando no prato diariamente? Tem um plano ou dieta alimentar? Ou vai só na intuição?

Aqui você encontra mais alguns artigos com dicas de nutrição:

O que comer antes de treinar

Alimentos para dormir melhor

12 alimentos anti-inflamatórios

4 dicas para comer mais saudável

Saiba mais sobre dieta low carb