Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

Pierre Roland vence 17ª etapa e Dumoulin segue liderando

O francês Pierre Roland (Cannondale-Drapac) conquistou uma vitória solitária na 17ª etapa do 100º Giro d’Italia, disputada nesta quarta-feira (24) num percurso de 219 km entre Tirano e Canazei. Roland levou a etapa após um ataque a 8 km da meta em meio a um grupo de 10 ciclistas que lideravam escapados. O português Rui Alberto Costa (UAE Team Emirates) e o australiano Rory Sutherland (Movistar) chegaram 23seg depois, na segunda e terceira colocações, respectivamente. 

A fuga do dia começou logo no início da etapa, formada por Pierre Roland, pelo esloveno Matej Mohoric (UAE Team Emirates) e pelo russo Pavel Brutt (Gazprom–RusVelo). O trio seguiu liderando até o topo da Tonale, segunda das três montanhas categorizadas da etapa, onde Mohoric atacou, deixando os companheiros de fuga para trás. Por volta do km 80, Roland acabou pego pelo grupo de perseguidores. Já Brutt conseguiu se recuperar e alcançar Mohoric. Com 111 km percorridos, a vantagem da dupla sobre os perseguidores era de 4min45. Após o km 135, Mohoric deixou Brutt novamente para trás, e foi o primeiro a passar pelo topo da Giono, terceira e última montanha da etapa. Porém ambos acabaram pegos pelos perseguidores, Brutt a 75 km e Mohoric a 60 km da meta. 

 

Leia mais

Diarreia faz maglia rosa Tom Dumoulin parar durante etapa

Estreante Fernando Gaviria vence pela quarta vez no 100º Giro d'Italia

Ciclista russo perde controle da bike no CRI e vai parar na rede de proteção

 

Faltando 35 km para a chegada, os competidores estavam divididos em três grupos: o pelotão do maglia rosa, o dos perseguidores (com 9 ciclistas) e dos líderes (com 10). Entre os líderes estava Pierre Roland. A 30 km do final, o pelotão já havia alcançado o grupo de perseguidores. Já no grupo dos líderes houve algumas tentativas de fuga e o pelotão tornou a se dividir em três grupos de perseguidores. A 8 km da meta, Roland conseguiu escapar entre os líderes, abrindo uma vantagem de cerca de 30seg. Assim, conseguiu administrar a liderança e conquistar uma vitória solitária, sua primeira neste 100º Giro d’Italia. 

Não houve mudanças no topo da classificação geral, ainda liderada pelo holandês Tom Dumoulin (Sunweb). Na quinta-feira (25), o pelotão terá uma etapa dura pela frente, passando pela Dolomitas, mítica cadeia de montanhas no norte da Itália. Será a 18ª deste 100º Giro d’Italia, com 137 km entre Moena e Ortisei. O percurso conta com cinco montanhas categorizadas, e chegada em ascensão na Pontives, subida de nível 1, cujo topo fica a 4 km da meta. 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Classificação da etapa:

1. Pierre Rolland (FRA/Cannondale-Drapac) – 5h42min56
2. Rui Alberto Costa (POR/UAE Team Emirates) – a 24seg 
3. Gorka Izaguirre (ESP/Movistar) – idem 
4. Rory Sutherland (AUS/Movistar) – idem
5. Matteo Busato (ITA/Wilier Triestina) – idem
6. Dries Devenyns (BEL/Quick Step) – idem
7. Felix Grossschartner (AUT/CCC Sprandi) – idem
8. Omar Fraile (ESP/Dimension Data) – idem
9. Michael Woods (CAN/Cannondale-Drapac) – idem
10. Julien Berard (FRA/AG2R-La Mondiale) – idem

Classificação geral:

1. Tom Dumoulin (HOL/Sunweb) – 76h05min38
2. Nairo Quintana (COL/Movistar) – a 31seg
3. Vincenzo Nibali (ITA/Bahrain-Merida) – a 1min12
4. Thibaut Pinot (FRA/FDJ) – a 2min38
5. Ilnur Zakarin (RUS/Katusha-Alpecin) – a 2min40
6. Domenico Pozzovivo (ITA/AG2R-La Mondiale) – a 3min05
7. Bauke Mollema (HOL/Trek-Segafredo) – a 3min49
8. Bob Jungels (LUX/Quick Step) – a 4min35
9. Steven Kruijswijk (HOL/Lotto NL-Jumbo) – a 6min20
10. Jan Polanc (ESL/UAE Team Emirates) – a 6min33

 

Confira aqui a classificação completa. 

Calendário

Encontre um evento de bike perto de você!

excluir cat: nao, desativa sempre post: nao, ativa sempre post: nao
Compartilhe por email!