Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

Robbie McEwen leva 2ª etapa do Giro

POR ALEXANDRE AGABITI FERNANDEZ e FERNANDO MELLO

O australiano Robbie McEwen (Davitamon) venceu no sprint, neste domingo, a 2ª etapa do Giro d´Italia, entre as cidades de Mons e Charleroi, na Bélgica, com 197 km de extensão. O ciclista de 33 anos conquistou sua nona vitória de etapa do Giro de sua carreira, com o tempo de 4h51min40s e média de 40,525 km/h. McEwen foi seguido pelo alemão Olaf Plack (T-Mobile) e pelo italiano Paolo Bettini (Quick Step). O grande derrotado do dia foi o sprinter Alessandro Petacchi (Milram), que terminou apenas na quarta colocação. O italiano Paolo Savoldelli (Discovery) terminou em 16º lugar e conserva a liderança na classificação geral, 11 segundos à frente do australiano Bradley McGee (Française des Jeux).

A um quilômetro da chegada, Petacchi contava com quatro companheiros de equipe para lançar seu sprint. McEwen não tinha mais ninguém da Davitamon. A ligeira subida nos últimos 200 m do percurso desorganizou os lançadores da Milram e Petacchi foi surpreendido pelo australiano. Esse aclive favoreceu também Paolo Bettini, que não é um sprinter, mas gosta de chegadas com topografia um pouco acidentada.

Dois latino-americanos terminaram entre os dez primeiros: o passista colombiano Leonardo Duque (Cofidis) foi o quinto, enquanto o argentino Axel Richeze (Ceramica Panaria) terminou em nono.

A etapa foi animada por quatro corredores escapados desde o km 23: o veterano italiano Gabriele Missaglia (Selle Italia), os franceses Mikael Delage (Française des Jeux) e Arnaud Labbe (Bouygues), e o espanhol Benat Albizuri (Euskaltel). Os escapados chegaram a abrir sete minutos do pelotão no km 86. A vantagem começou a ruir com o trabalho feito pelas equipes Milram e Davitamon, para que seus sprinters disputassem a vitória. Com 150 km percorridos, a vantagem era de apenas dois minutos. A 27 km da meta, Missaglia atacou e foi seguido por Albizuri, deixando para trás os dois franceses. A menos de 20 km para a chegada, o pelotão alcançou a dupla, que ficou 145 km escapada.

A terceira etapa do Giro acontece nesta segunda-feira, entre as cidades de Perwez e Namur, na Bélgica, cobrindo uma distância de 202 km. A etapa não deve favorecer muito aos sprinters, pois o ultimo quilômetro é uma rampa com pronunciada declividade.

Resultado da 2ª etapa do Giro d´Italia 2006 – Mons e Charleroi (Bélgica), com 197 km:

1- Robbie McEwen (AUS) – Davitamon 4h51min40s
2- Olaf Pollack (ALE) T-Mobile m.t
3- Paolo Bettini (ITA) Quick Step m.t
4- Alessandro Petacchi (ITA) Milram m.t.
5- Leonardo Duque (COL) Cofidis m.t
6- Tomas Vaitkus (LIT) AG2R m.t
7- Alberto Loddo (ITA) Selle Italia m.t
8- Koldo Fernández (ESP) Euskaltel m.t
9- Axel Richeze (ARG) Ceramica Panaria m.t
10- Graeme Brown (AUS) Rabobank m.t

CLASSIFICAÇÃO GERAL- depois de duas etapas:

1- Paolo Savoldelli (ITA) Discovery 4h59min30s
2- Bradley McGee (AUS) Française des Jeux a 11s
3- José E. Gutiérrez (ESP) Phonak a 13s
4- Stefan Schumacher (ALE) Gerolsteiner a 13s
5- Serhiy Honchar (UCR) T-Mobile a 15s
6- Francisco Pérez (ESP) Illes Balears a 16s
7- José Iván Gutiérrez (ESP) Illes Balears a 16s
8- Michael Rogers (AUS) T-Mobile a 17s
9- Davide Rebellin (ITA) Gerolsteiner a 18s
10- Danilo Di Luca (ITA) Liquigas a 19s

Calendário

Encontre um evento de bike perto de você!

excluir cat: nao, desativa sempre post: nao, ativa sempre post: nao
Compartilhe por email!