Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

Schumacher vence 3ª etapa e é novo líder do Giro

POR FERNANDO MELLO

Com um sprint contundente, o alemão Stefan Schumacher (Gerolsteiner) venceu nesta segunda-feira a 3ª etapa do Giro d´Italia, com extensão de 202 km, entre as cidades de Perwez e Namur, na Bélgica. Schumacher superou o espanhol José Luis Rubiera (Discovery), segundo colocado, e completou a etapa em 5h14min43s. Agora, o alemão lidera a prova, com vantagem de 13 segundos sobre o atual campeão, o italiano Paolo Savoldelli (Discovery), que perde a maglia rosa. A equipe Gerolsteiner ainda colocou mais um ciclista no pódio, o italiano Davide Rebellin, o terceiro. Mais um italiano, Paolo Bettini (Quick Step) fez boa etapa e chegou em quarto lugar, como aconteceu domingo.

Mais uma vez, o dia não foi positivo para o italiano Alessandro Petacchi (Milram). Depois de um domingo desastroso, em que foi derrotado pelo australiano Robbie McEwen nos últimos 200 m, Petacchi enfrentou novos reveses nesta segunda-feira. Além de um pneu furado, o italiano sofreu uma queda e teve de ser medicado justamente quando o pelotão aumentava o ritmo, visando a preparação do sprint final. Apesar do trabalho dos companheiros Mirco Lorenzetto e Alberto Ongarato, Petacchi não alcançou o grupo e ficou para trás. Parece que o italiano precisa se benzer para a seqüência do Giro.

Mais uma vez, a etapa foi animada por uma fuga e pela chuva, que tornou o asfalto escorregadio. Quatro corredores escaparam no km 18: o espanhol Irizar Aranburu (Euskatel), o italiano Rafaelle Illiano (Selle Italia), o mexicano Aldape Chavez (Ceramica Panaria) e o francês Amael Moinard (Cofidis). No entanto, a maior distância dos escapados sobre o pelotão foi de pouco mais de 3min, tempo absolutamente controlável. A vantagem começou a cair já a 60 km da chegada. Depois de 182 km de fuga, o grupo neutralizou os escapados e começou a preparação dos times para o sprint. A 2 km do fim, o italiano Alberto Loddo (Selle Italia) atacou e José Luis Rubiera (Discovery) contra-atacou. Mas, prevaleceu a força do alemão Stefan Schumacher, que superou Rubiera.

A quarta etapa do Giro, última na Bélgica, acontece nesta terça-feira, entre as cidades de Wanze e Hotton, com extensão de 193 km. A etapa tem topografia plana, o que favorece os sprinters.

Resultado da 3ª etapa do Giro d´Italia 2006 – Perwez-Namur (Bélgica), com 202 km:

1- Stefan Schumacher (ALE) Gerolsteiner 5h14min43s
2- José Luis Rubiera (ESP) Discovery a 2s
3- Davide Rebellin (ITA) Gerolsteiner a 6s
4- Paolo Bettini (ITA) Quick Step m.t.
5- Philippe Gilbert (BEL) Française des Jeux m.t.
6- Jens Voigt (ALE) CSC m.t.
7- Andrea Moletta (ITA) Gerolsteiner m.t.
8- José Iván Gutiérrez (ESP) Illes Balears m.t.
9- Paolo Savoldelli (ITA) Discovery m.t.
10- Franco Pellizotti (ITA) Liquigas m.t.

CLASSIFICAÇÃO GERAL- depois de três etapas:

1- Stefan Schumacher (ALE) Gerolsteiner 10h14min04s
2- Paolo Savoldelli (ITA) Discovery a 13s
3- Davide Rebellin (ITA) Gerolsteiner a 23s
4- José Iván Gutiérrez (ESP) Illes Balears a 29s
5- José Luis Rubiera (ESP) Discovery a 31s
6- Serguei Gonchar (UCR) T-Mobile m.t.
7- Bradley McGee (AUS) Française des Jeux m.t.
8- Francisco Pérez Sánchez (ESP) Illes Balears a 32s
9- José E. Gutiérrez (ESP) Phonak a 33s
10- Michael Rogers (AUS) T-Mobile a 37s

Calendário

Encontre um evento de bike perto de você!

excluir cat: nao, desativa sempre post: nao, ativa sempre post: nao
Compartilhe por email!