Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

Ciclistas têm medo de pedalar em BH

Uma pesquisa feita com 5.012 ciclistas de 10 municípios do Brasil constatou que Belo Horizonte é a cidade em que as pessoas mais têm medo de pedalar. Segundo os entrevistados da capital mineira, de todas as dificuldades enfrentadas por eles no dia a dia, a falta de segurança no trânsito é a que mais amedronta. Além de BH, também participaram do estudo as cidades São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Salvador, Recife, Brasília, Manaus, Aracaju e Niterói.

O risco de pedalar nas ruas de BH foi citado como o maior problema por 37,8% dos mineiros, um percentual muito superior ao da média nacional (22,7%), sendo que a falta de educação dos motoristas dos automóveis foi apontada como principal motivo (34,6%). Os demais problemas citados na pesquisa pelos entrevistados de todas as cidades foram a falta de infraestrutura cicloviária, segurança pública e sinalização.

O levantamento faz parte da pesquisa “Perfil do Ciclista Brasileiro”, uma iniciativa da organização Transporte Ativo em parceria com o Observatório das Metrópoles e do Laboratório de Mobilidade Sustentável da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

O problema de segurança no trânsito da capital mineira também foi constatado pelo Hospital de Pronto-Socorro (HPS) João XXIII, o maior do estado, que entre 2014 e 2015 identificou um aumento de 34,8% no número de acidentes envolvendo ciclistas. A estatística também tem como fator a baixa malha cicloviária de BH. Dos 400 km de ciclovias projetados pelo Plano Diretos de Mobilidade Urbana da cidade, cerca de 80 km foram implantados até o momento. De acordo com a BHTrans, a meta deve ser atingida até 2020.

Calendário

Encontre um evento de bike perto de você!

Compartilhe por email!