Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

Equipe atropela pedestre atravessando a rua em prova italiana

Foto: Reprodução

Um acidente inusitado marcou a primeira etapa do Tirreno-Adriatico, uma das principais provas da temporada. Os atletas da equipe Bora-Hansgrohe atropelaram um pedestre que cruzava a rua na cidade de Camaiore durante o contrarrelógio por equipes.

O acidente ocorreu ainda no início do trajeto de 21,5 km desta quarta-feira em Camaiore. Os atletas que iam à frente do grupo conseguiram desviar do pedestre, mas o polonês Rafal Majka o acertou em cheio e foi ao chão. Oscar Gatto que vinha logo atrás na formação, acabou derrubado.

“Oscar Gatto tem muitas contusões, enquanto Rafal Majka tem hematomas e escoriações em sua cabeça, e teremos que fazer testes adicionais e diagnósticos para avaliar se o impacto causou uma concussão ou não”, disse o médico da Bora-Hansgrohe, Jan-Niklas Droste.

Os cinco membros restantes da equipe continuaram o percurso sem a dupla, que voltou para corrida momentos depois. O acidente, no entanto, custou caro ao time, que foi o 20º colocado do dia, com 24min22s.

Daniel Oss, o ciclista que estava à frente do pelotão disse que viu o homem do outro lado da rua, mas que não conseguiu ver o que aconteceu atrás dele. “Eu o evitei. Estava apenas olhando para frente, realmente sinto muito pelos meus companheiros de equipe e o homem”, afirmou.

O dia na Itália foi vencido pela Mitchelton-Scott, 1min57s mais rápido do que a Bora. A equipe, no entanto, quase sofreu com o mesmo problema, já que seus atletas por pouco não atropelaram uma mulher e seu cachorro, que também atravessavam a rua.

Leia mais

Tricampeã mundial de ciclismo morre aos 23 anos nos EUA

Saiba como aliar a musculação ao treino de bike

Prova feminina é paralisada após ciclista alcançar pelotão masculino

Calendário

Encontre um evento de bike perto de você!

excluir cat: nao, desativa sempre post: nao, ativa sempre post: nao
Compartilhe por email!