Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

Ciclistas europeus são assassinados durante cicloviagem pelo México

Foto: Krzystzof e Holger (Reprodução Facebook)

Dois ciclistas que faziam uma viagem ao redor do mundo foram encontrados mortos em um barranco à beira de uma estrada no sul do México. Investigadores locais trabalham com a hipótese de assassinato. O alemão Holger Hagenbusch e o polonês Krzysztof Chmielewski viajavam pelo mundo de bicicleta quando se conheceram na cidade de San Cristobal de las Casas e decidiram pedalar juntos até Palenque, a cerca de 200 km, para ver as ruínas maias do local. 

As famílias de Holger e Krzysztof relataram o desaparecimento dos ciclistas, o que iniciou a busca policial. Os corpos foram encontrados abaixo de uma face rochosa no estado de Chiapas. O corpo de Krzystzof foi encontrado no dia 26 de abril, e o de Holger, uma semana depois, a cerca de 200 metros do primeiro.

Amigos de Holgen e Krzystzof protestam o parecer da polícia local sobre as mortes dos ciclistas no México (Foto: Reprodução Rodrigo Pardo/EPA)

Inicialmente, a polícia afirmou que a morte dos ciclistas tinha sido “um acidente”, e que eles teriam se desequilibrado e caído do barranco devido a fortes ventos, mas a análise dos corpos encontrou sinais de violência. 

O irmão de Holger, Rainer, que voou até o México para identificar seu corpo, escreveu em sua página no Facebook que ambos os corpos haviam sido mutilados. “O ciclista polonês foi decapitado e estava sem um pé”, disse. Holger tinha uma perfuração no crânio causada por uma arma de fogo. A pressão das famílias fez a polícia mexicana reavaliar sua posição.

 

Leia mais

"Last Mile": misturando o pedal com outros transportes

Além das ciclovias: o que torna uma cidade bike-friendly?

De bicicleta para o trabalho: um guia completo para você começar

 

“O promotor que alegou que foi um acidente não o fez de propósito ou de má fé, também não o fez para esconder evidências”, diz o promotor de homicídios de Chiapas, Luis Alberto Sánchez, para o jornal El País. “Pode ter sido um assalto violento. Talvez tenham resistido e por isso os mataram”, explicou Sánchez em uma entrevista por telefone. Ele não deu outras informações.

Calendário

Encontre um evento de bike perto de você!

excluir cat: nao, desativa sempre post: nao, ativa sempre post: nao
Compartilhe por email!