Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

Fernanda Maciel fica em 3º lugar na Marathon des Sables

Foto: Red Bull Content Pool

Já pensou em correr 250 km pelas dunas do Deserto do Saara carregando quase 9 kg de peso na mochila sob uma temperatura média de 50 graus e tendo que fazer a própria comida? A ultramaratonista Fernanda Maciel acaba de completar este desafio e, de quebra, subiu no pódio!

A atleta terminou a Marathon des Sables, uma das ultramaratonas mais difíceis do mundo, na terceira colocação entre as mulheres, com um tempo acumulado de 24h44min59s durante sete dias de prova. A sueca Elisabet Barnes ficou na primeira colocação e a francesa Natalie Mauclair, na segunda.

“Terminar esta prova significa uma vitória e um sonho. Desde pequena ouvia sobre a Marathon des Sables e sabia que um dia poderia corrê-la. É a única prova que me faz chorar de dor e de prazer em cruzar a linha de chegada de cada etapa diária”, disse Fernanda. 

Marathon des Sables: correndo no deserto

A Marathon des Sables é uma das ultramaratonas mais difíceis do mundo. Do primeiro ao último estágio, os atletas devem carregar o próprio alimento para os sete dias das seis etapas. A organização fornece apenas água e uma tenda para pernoite. 

A disputa pelo pódio ficou mais acirrada desde o ano passado, quando a prova passou a ser uma das mais importantes no Ultra Trail World Tour, o circuito mundial de ultramaratonas.

“Houve muita disputa pelo pódio durante cada etapa e com a presença das principais ultramaratonistas do mundo. Fiquei feliz com o resultado de terceiro lugar, porque correr ‘atacando’ no deserto é perigoso. Tive que administrar a falta de comida, condição extrema de calor, as horas corretas para acelerar e não passar dos meus limites. Tive muitos hematomas no corpo por conta do peso da mochila e bolhas nos pés este ano, mas consegui superar a dor”, falou a ultramaratonista. 

 

Leia mais

10 dicas de Fernanda Maciel para você se dar bem nas corridas de montanha

50 provas para correr antes de morrer

Cape Epic: a mais selvagem ultra


Mulher de ferro
Fernanda Maciel já coleciona alguns grandes feitos como ultramaratonista. Em 2014, conseguiu seu principal feito da carreira e foi vice-campeã Mundial de Ultra Trail. Em 2016, estabeleceu um novo recorde, tornando-se a primeira mulher a subir e descer o monte Aconcágua, na Argentina, em menos de 24 horas. 

Saiba mais sobre a prova

 

Calendário

Encontre um evento de corrida perto de você!

Clube O2

Clube O2 + Frequencímetro

Compartilhe por email!
[i]
[i]