Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

Os melhores lugares para correr em São Paulo

Maior cidade do país, São Paulo tem renovado seu estoque de opções de locais para treino de corrida. Além dos pontos históricos e bastante manjados, como o Parque Ibirapuera e a Cidade Universitária, o fechamento de importantes ruas para o lazer, uma tendência recente, vem ampliando o leque de escolhas do corredor paulistano.

O Minhocão (Elevado João Goulart) fica agora fechado para o trânsito das 20h das sextas-feiras até as 7h das segundas-feiras. A pista de asfalto pode parecer longe de ser o local ideal para correr. Mesmo cercado por prédios que prejudicam a circulação do ar, o Minhocão acabou por ser adotado como praia pelos paulistanos, que o transformaram num parque.

“É localizado na região central, tem fácil acesso e é bem popular. Como local para correr, é interessante, com um falso plano que exige algum preparo físico”, diz o treinador Darlan Duarte, da assessoria Pacefit.

Assim como o Elevado, a avenida Paulista e a avenida Sumaré ficam fechadas aos domingos, convertendo-se em alternativas para os paulistanos variarem seus locais de treino.

“A Sumaré é uma espécie de pirâmide, uma subida razoável”, diz Darlan, que se apressa para explicar que, se o seu objetivo é uma prova plana, não se colhe benefício caso se opte por treino em local com variação altimétrica ampla.

“Quem vai fazer prova no plano deve treinar no plano. Você não tem ganho treinando em ladeira, porque muda a técnica de corrida”.

Leia mais

Circuito Banco do Brasil leva corrida para todo o País

Os benefícios da corrida para a saúde a curto, médio e longo prazo

Cuidados para sua primeira prova de corrida

A Pacefit, assessoria de Darlan, realiza parte de seus treinos no velho Estádio Pacaembu. “Nós temos lá algumas opções de percurso. Na mais extensa delas, o pessoal sai do Estádio e corre também pela praça Charles Muller. É um local muito agradável”.

O Parque Villa Lobos e o Parque do Povo também são muito procurados pelos corredores da maior metrópole brasileira, assim como a avenida Brás Leme, na Zona Norte.

Outra boa pedida é a pista do Clube de Regatas Tietê com piso de gramado sintético, cujo terreno foi retomado pela Prefeitura e transformado em equipamento público.

Plano, subida, descida. Dá para treinar de tudo em São Paulo e chegar bem preparado para curtir a etapa local do Circuito Banco do Brasil de Corridas. Clique aqui e inscreva-se!

excluir cat: nao, desativa sempre post: nao, ativa sempre post: nao
Compartilhe por email!