Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

5 hábitos de treino comuns entre os corredores mais bem-sucedidos

Foto: Shutterstock

Em boa parte das vezes, acompanhar o treinamento de corredores profissionais desperta certa curiosidade. Como eles estão sempre saudáveis, felizes e correndo em um ritmo bom? A verdade é que toda essa boa aparência é fruto de hábitos de treino que dão ao atleta a imunidade contra o cansaço extremo durante a prática esportiva, sobretudo quando falamos de corredores bem-sucedidos.

A boa notícia é que muitos desses hábitos de treino podem  ser  utilizados por pessoas comuns, que buscam se tornar mais velozes, saudáveis e felizes na corrida. 

 

1. Ter consistência nos treinos

O melhor caminho para o sucesso nem sempre está nas corridas longas ou no treinamento rápido. A ideia precisa ser valorizar o trabalho a longo prazo, mês após mês. É importante, também, manter um registro de como foi seu treino – não só a distância e o ritmo, mas também como se sentiu e onde correu. Só assim, você pode alterar seu treino de modo a torná-lo mais consistente.

2. Aquecer adequadamente

Essa é básica: um aquecimento adequado te ajuda na performance do treinamento, diminuindo as possibilidades de lesão e te fazendo se sentir melhor quando inicia a corrida.

3. Dosar o esforço

Nos treinamentos de um corredor bem-sucedido, existem os dias tranquilos e os dias cansativos. É importante que você saiba quando precisa se esforçar mais e quando precisa descansar. Polarizando os treinos entre difíceis e fáceis, você foca na forma física em um dia e se recupera de maneira ideal no outro. Arriscar algo mais cansativo em um dia que deveria ser tranquilo potencializa as chances de lesões.

 

Leia mais

10 mandamentos dos corredores de rua

13 dicas para melhorar a resistência

4 coisas que você não deve fazer depois de correr

 

4. Dar atenção à recuperação

Falando em dias cansativos, eles fundamentalmente necessitam de um descanso apropriado. A longo prazo, seu corpo não se adequará ao treino se ele não descansar o suficiente. E as duas melhores maneiras de se recuperar do esforço são ter uma boa noite de sono e, eventualmente, tirar uns dias de folga.

5. Focar no ganho de força

Normalmente, os corredores que têm o menor histórico de lesões focam não só no ganho de resistência durante o treinamento, mas também no ganho de força. Músculos mais fortes podem ajudar na postura durante a corrida e, principalmente, a suportar melhor os impactos das passadas.

Calendário

Encontre um evento de corrida perto de você!

Clube O2

Novidade do Clube O2!

Compartilhe por email!
[i]
[i]