Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

Adriano Bastos vence Maratona de Santa Catarina

Quem esteve na Avenida Beira-Mar Norte, neste domingo (19), em Florianópolis, acompanhando a 9ª Maratona Internacional de Santa Catarina viu a superação física dos “Adrianos” (Adriano Bastos e Adriana Aparecida) que passaram por dificuldades durante a prova e conseguiram vencer. A maratona foi disputada sob um calor de quase 30 graus, o que provocou um desgaste muito grande nos atletas.

A Maratona Internacional de SC teve a participação de 1.300 atletas dos 1.500 inscritos. A equipe do ativo.com acompanhou o evento e registrou as imagens dos participantes, que estarão disponíveis on-line em breve.

O paulistano Adriano Bastos conquistou o bicampeonato da prova ao percorrer os 42,195 quilômetros em 2h21min44s, tempo pior que do ano passado, quando ele bateu o recorde do percurso com 2h16min20seg. Já a representante da cidade de Cruzeiro (SP), Adriana Aparecida da Silva, que participava pela primeira vez de uma maratona, foi a vencedora entre as mulheres com o tempo de 2h41min40seg e de quebra conseguiu o índice para disputar o Mundial de Atletismo, em agosto, em Berlim, na Alemanha.

Adriano Bastos se sentiu mal ao final da prova e após a chegada ficou quase uma hora sendo atendido pelo fisioterapeuta, ficou com a musculatura travada. Ele disse que o sol estava muito forte e que pensou em desistir. “O Claudir Rodrigues saiu na frente e impôs um ritmo muito forte e disparou na frente. Até o quilômetro 38 ele estava quase mil metros na minha frente e pensei que não iria ultrapassá-lo. Já estava conformado com o segundo lugar”, contou.

Bastos sentia a fadiga muscular tomando conta do corpo, mas logo adiante percebeu que o adversário também cansou. “Foi aí que busquei minhas últimas forças para vencer a prova e ultrapassar o Claudir exatamente na placa dos 39km. Foi uma prova muito dura”, concluiu.

Já Claudir Rodrigues, de Santa Maria, que tentava índice para o mundial, acabou ficando na segunda colocação com o 2h23min2seg e sem a vaga para Berlim. Elias Rodrigues Bastos, de Campinas, cruzou a linha de chegada em terceiro lugar com o tempo de 2h25min15seg.

Na disputa feminina, Adriana Aparecida da Silva fazia sua estréia na distância de 42,195 metros e precisou de toda a sua força para vencer a competição e também conseguir o índice para o Mundial. Uma torção no pé esquerdo, ocorrida em março quando treinava para o mundial de cross-country na Jordânia, atrapalhou parte da preparação da atleta.

“Fui pra lá no sacrifício e para competir aqui tive que fazer um trabalho diário de fisioterapia. Mas valeu a pena”. Ao cruzar a linha de chegada ela foi às lagrimas ao saber pelo seu técnico Cláudio Castilho, que havia conseguido o índice para o mundial.

Para vencer a prova, Adriana montou uma estratégia de não se distanciar do pelotão que saiu na frente. A partir do quilômetro 20, passou a dividir a primeira colocação com Michele das Chagas, de Bragança Paulista, que terminou na terceira colocação com o tempo de 2h47min3seg. Posteriormente, no quilômetro 26, tomou à frente da prova, posição que se manteve até o final da competição. A mineira, de Itajubá, Rosângela Raimunda Pereira ficou com o segundo lugar com o tempo de 2h43min51seg.

Na categoria cadeirantes, Carlos Roberto Oliveira, de Porto Alegre, venceu pela terceira vez com 2h4min13seg. Entre as mulheres o título foi de Erinelda Rodrigues da Silva.

Corrida Rústica – Gilberto da Silva Roque, 29 anos, treinado por Adriano Bastos, venceu a Rústica de Santa Catarina, entre os homens. A prova de 10 quilômetros foi a última a ter sua largada neste domingo (19/4), na avenida Beira-Mar Norte, por volta das 8h05min. Homens e mulheres largaram juntos após o pelotão dos corredores da Maratona Internacional de SC.

Entre as mulheres, Cleide Maria de Souza, 36 anos, atleta dos Correios, venceu pela quarta vez a rústica de 10 quilômetros. A catarinense chegou em primeiro lugar com uma boa folga sobre a segunda colocada, Ana Claudia Jesus (Eletrosul), fechando o percurso em 41 minutos, um minuto e vinte quatro segundos a menos que a segunda colocada.

excluir cat: nao, desativa sempre post: nao, ativa sempre post: nao
Compartilhe por email!