Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

Berlim coloca fim de junho como prazo para novo plano após proibição

Foto: Shutterstock

A organização da Maratona de Berlim enviou um e-mail aos atletas inscritos na prova estabelecendo o fim do mês de junho como prazo para a elaboração e a divulgação de um plano de novas ações, após as autoridades da cidade alemã proíbirem a realização de eventos com mais de 5 mil pessoas até 24 de outubro -a prova, uma das principais do mundo, estava prevista para ocorrer em 27 de setembro.

A proibição de eventos de massa em Berlim até 24 de outubro foi adotada pela cidade como medida para evitar a propagação do novo coronavírus – a decisão foi anunciada em 21 de abril, dia em que a organização da Maratona de Berlim confirmou em nota apenas que a prova não seria realizada como inicialmente programada, mas não oficializou se a prova não será realizada, ou se terá nova data, nem como os inscritos serão afetados.

“Para podermos avaliar as diferentes opções de implementação das próximas ações, precisamos de um pouco mais de tempo por causa do tamanho do evento e o número de pessoas envolvidas. Também não estamos conseguindo trabalhar com toda nossa força de trabalho no momento. Mesmo assim, estamos colocando toda nossa energia nesse processo e entraremos em contato até o fim de junho com detalhes sobre novidades em relação à Maratona de Berlim”, diz o e-mail enviado.

A epidemia de Covid-19 mudou a programação ou obrigou o cancelamento de milhares de eventos esportivos, entre eles algumas das principais provas de corrida do mundo. Só no grupo das maratonas major, que contempla seis eventos, entre eles Berlim, a Maratona de Tóquio foi realizada apenas para profissionais e as Maratonas de Boston e Londres, de abril, foram para setembro e outubro, respectivamente.

“Trabalhamos por mais de um ano na organização da 47ª edição da Maratona de Berlim. Assim como nós, participantes de 150 países mal podiam esperar para a hora da largada”, diz o comunicado. “Sabemos que o seu desapontamento é grande e também estamos incrivelmente tristes, mas é claro que entendemos essa medida já que a sua saúde é prioridade”, complementa.

Leia mais

Brasileiros fazem 'Maratona de Boston virtual' para arrecadar fundos contra covid-19

Maratona de Berlim também é cancelada pela pandemia

Maratona de Chicago abre processo de transferência de vaga para 2021

excluir cat: nao, desativa sempre post: nao, ativa sempre post: nao
Compartilhe por email!