Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

Kipchoge anuncia participação em Londres em busca de quinto título inédito

O queniano Eliud Kipchoge confirmou que disputará a próxima edição da Maratona de Londres, programada para 26 de abril, tentando fazer história novamente e conquistar seu quinto título da prova – ele venceu o evento em 2015, 2016, 2018 e 2019 e tentará ser o primeiro pentacampeão da major britânica.

Kipchoge, considerado por muitos o melhor maratonista da história, é recordista mundial da distância, com a marca de 2h01min39s estabelecida em Berlim em 2018, recordista da maratona de Londres, com o tempo de 2h02min39s deste ano, e a única pessoa a correr a distância de 42,195 km em menos de duas horas no desafio Ineos 1:59.

Na Maratona de Londres, ele divide o posto de maior campeão do evento com a norueguesa Ingrid Kristiansen, que também tem quatro títulos na capital inglesa – ela ganhou a prova em 1984, 1985, 1987 e 1988.

“Estou encantado por voltar à Maratona de Londres em 2020, adoro correr esta prova onde o apoio da multidão é sempre maravilhoso. Quebrar a barreira de duas horas em Viena foi um momento incrível. Isso mostrou que nenhum ser humano é limitado e essa é uma crença que continua me levando a estabelecer novos objetivos. Fazer história em Londres é meu próximo alvo”, disse Kipchoge.

O queniano foi o primeiro nome da elite mundial anunciado na edição de 2020 da Maratona de Londres, que completará 40 anos. Segundo os organizadores, mais nomes serão revelados a partir do dia 13 de janeiro. Mo Farah, no entanto, uma das estrelas deste ano, não deve correr a prova já que dedicará sua temporada aos treinos de 10.000 m, evento que disputará nos Jogos Olímpicos de Tóquio.

“Eliud Kipchoge é o maior corredor de maratona de todos os tempos”, disse o diretor do evento, Hugh Brasher. “A crença de Eliud de que nenhum ser humano é limitado repercutiu em todo mundo e estamos muito satisfeitos que esse homem extraordinário e verdadeiramente inspirador faça parte da 40ª edição da corrida”, completou.

Leia mais

Kipchoge anuncia busca pelo bicampeonato olímpico em Tóquio 2020

Rússia é banida de Tóquio 2020 e competições internacionais por quatro anos

Histórico! Kipchoge quebra a barreira das 2 horas na maratona em Viena

 

 

 

excluir cat: nao, desativa sempre post: nao, ativa sempre post: nao
Compartilhe por email!