Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

Norueguês vence em Fukuoka com marca histórica

Foto: Instagram

O norueguês Sondre Nordstad Moen venceu a Maratona de Fukuoka, no Japão, no último domingo. Superando o queniano Bedan Karoki, favorito na prova, ele ainda bateu o recorde europeu para essa distância com a marca de 2h05min48s. Anteriormente, o melhor tempo era do turco Kaan Kigen Ozbilen, com 2h06min10s.

O feito de Moen não para por aí! A marca fez dele o primeiro atleta não-africano a ter quebrado a barreira das duas horas e seis minutos numa maratona. Com um personal best de 2h10min07s, o recordista disse à IAAF que não esperava uma performance tão boa: “Eu estava confiante de que conseguiria correr em 2h07min, e num dia bom talvez 2h06min, mas não esperava 2h05min”.

 

Leia mais

Como se preparar para as subidas da São Silvestre?

Cinco dicas de corrida de longa distância para iniciantes

4 coisas que você não deve fazer depois de correr

 

O norueguês teve a segunda melhor marca da história da Maratona de Fukuoka, apenas 30 segundos atrás do tempo do etíope Tsegay Kebede.

Em sua opinião, o bom trabalho dos pacers foi essencial na sua vitória: ele sabia que o recorde europeu estava alguns segundos abaixo do ritmo pré-estabelecido de 3min/km, mas até o quadragésimo quilômetro não estava confiante de que poderia ultrapassá-lo. Já isolado na liderança, ele decidiu dar o máximo em busca de seu lugar na história.

O pódio foi completado por Stephen Kiprotich, ugandense campeão da maratona dos Jogos Olímpicos de Londres, com 2h07min10s, e pelo japonês Suguru Osako (2h07min19s). 

Moen vlta à Noruega com o orgulho no alto: “Não sei se as pessoas de lá sabem o quão bom é fazer 2h05min numa maratona”.

 

Clube O2

Escolha já seu Frequencímetro!

Compartilhe por email!