Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

O orgulho e a emoção do pernambucano que completou 100 maratonas

Júlio Cordeiro, um pernambucano que nasceu em Tabira e vive há 13 anos em Recife, foi submetido a uma cirurgia de cateterismo e transformou sua vida depois da operação. Em junho, chegou ao incrível feito de 100 maratonas no currículo, na Maratona do Rio.

Com mais de 4 mil km percorridos em em corridas de rua, distância que daria para fazer caminho de ida e volta entre Pernambuco e Rio de Janeiro, o atleta traduziu em palavras ao Ativo a emoção de atingir uma marca tão icônica.

A emoção das 100 maratonas

“A tão sonhada medalha da centésima maratona já está no peito, e aqui em Recife. Para quem já tinha conquistado outras 99 medalhas em longas distâncias, podia parecer uma rotina simples. Mas a história não foi bem assim… Essa conquista representa muito mais do que apenas 100 maratonas completadas.

Voltando um pouco no tempo, relembrava da enorme dificuldade que enfrentei na mesma Maratona do Rio. Naquela época, estreava nas longas distâncias com muito medo e nervosismo. Logo após cruzar a linha de chegada, o sentimento que passava pela minha cabeça era de muita alegria. Pronto, fiz uma maratona. Já posso bater no peito e dizer: “Eu sou um maratonista”.

Quando me dei conta, lá estava eu, procurando passagem para minha segunda maratona, em Atenas na Grécia. Definitivamente, o “bichinho da corrida” se alojou de vez em mim, e ano após ano estava fazendo uma média de 10 maratonas pelo Brasil e pelo Mundo.

 

Leia mais

Pernambucano supera cirurgia no coração e disputará 100ª maratona

Amor e corrida: passadas para a vida toda

Pernas de Aluguel: levando a corrida para todos

 

Meu histórico com maratonas se multiplicava, mas uma entre todas que fiz, era a minha xodó: a Maratona do Rio. Fiz todas as provas na cidade maravilhosa em sequência: 2008 até 2017. Foi aí que pensei: por que não completar a 100° maratona nesse mesmo palco? Em 2018, completaria 10 anos de maratonas, 25 anos de casamento e 50 anos de idade.

Desde então, embarquei nesse sonho. O ano de 2017 seria fundamental para isso ser possível. Com muito foco, consegui realizar 14 maratonas entre abril e novembro de 2017. Mas essa não foi a principal loucura dessa história. Também realizei 3 maratonas em uma só semana. Foram 126 km em 5 dias.

Ganhei força e vi o meu objetivo muito próximo. Não foi fácil, porque tive que abrir mão de muita coisa para tornar esse sonho vivo. Mas enfim, esse momento chegou. A família que esteve comigo em todos os momentos era presença garantida. Combinei com uma verdadeira legião de corredores que fiz amizades nesses 10 anos, que o meu grande presente nessa comemoração da centésima maratona seria a presença de cada um deles na prova.

Fizemos uma verdadeira “invasão” de amigos no Rio de Janeiro. Meu coração, agora forte pela corrida, se encheu de emoção.  Os momentos que vivi nesses dias permanecerão pra sempre. O momento da chegada com minha família e amigos ficará para sempre na minha mente. Obrigado de coração a todos que fizeram parte dessa minha história.

E se engana quem achar que vou parar nas 100 maratonas!”

Calendário

Encontre um evento de corrida perto de você!

Clube O2

Economize nas provas e escolha seu frequencímetro!

excluir cat: nao, desativa sempre post: nao, ativa sempre post: nao
Compartilhe por email!