Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

9: seria esse o número do corredor?

Você já completou uma maratona? Se a sua resposta foi negativa e você está com uma idade que termine com o número 9, as suas chances de conseguir a façanha é maior do que as de outros corredores. Calma, não tem nada a ver com numerologia ou adivinhação. Quem afirma isso é a ciência.

De acordo com psicólogos da Adam Alter and Hal Hershfield, da Califórnia, as pessoas tendem a dividir a vida em capítulos. E as décadas representam a conclusão mais profunda de uma série ou temporada de acontecimentos — além de ser o início de uma nova etapa. Assim, quando você está às vésperas de uma dessas fronteiras (em outras palavras, quando a sua idade termina em 9), você está particularmente mais propenso a refletir sobre o sentido da vida e buscar novos resultados com a criação de novos objetivos.

Quando isso está ligado à corrida de rua, a meta mais almejada é completar uma maratona. Para chegar a esse resultado, os especialistas analisaram dados do site Athlinks. A descoberta é que entre os 500 corredores que estavam registrados lá e que completaram pela primeira vez os 42 km, 240 eram atletas com idades que terminavam com 9. O mesmo site mostra que esses corredores se esforçam mais para tornar esses treinos proveitosos e para ganhar desempenho nas passadas.

leiamais-cinza-novo
icon texto_menor  USE AS CORRIDAS CURTAS A SEU FAVOR
icon texto_menor  TREINE EM ESCADAS PARA GANHAR FORÇA
icon texto_menor  5 EXERCÍCIOS PARA CORRIGIR A POSTURA

Esse é o seu caso? Então siga as dicas abaixo para fazer a sua primeira maratona da melhor forma possível.

1. Dedicação
Quando se decide enfrentar uma distância tão longa, também é necessário muito empenho para alcançar seu objetivo. É preciso destinar tempo para os treinos, ser disciplinado, alimentar-se adequadamente e tudo mais que uma maratona exige. Procurar orientação, que possa realmente ajudá-lo a atingir sua meta, também é importante.

2. Vivencie outras distâncias
Ter participado de outras competições, com distâncias variadas, ajuda. Assim, é importante experimentar vários percursos de prova. Não há um tempo determinado para se preparar para uma maratona – varia de acordo com cada pessoa. Por isso, aproveite outras corridas antes de uma maratona. Não é regra, mas ter corrido uma ou duas meias-maratonas pode servir de prévia.

3. Prepare-se para adversidades
Os longões são fundamentais para que o corredor tenha noção dos problemas que pode passar durante uma maratona. Bolhas, mal-estar e outros incômodos são alguns exemplos. Há também as barreiras psicológicas. Em geral, o quilômetro 30 de uma maratona (ou o conhecido “muro”) é o momento crucial, e quando o preparo psicológico também entra em ação. Assim, é preciso estar pronto para esses – e outros – obstáculos que podem aparecer ao longo da corrida.

4. Todos os treinos são importantes
Os longões são importantes. Quanto mais longe forem, mais seguro você se sente para a prova. Porém, você também pode lançar mão de treinos em subidas, com intensidades leves e fortes, pois cada um tem a sua função.

5. Ritmo da prova
A velocidade que será impressa na corrida é a mesma que foi utilizada nos treinos longos de preparação para os 42 km. Você deve ter paciência, após a euforia da largada, e encontrar o seu ritmo na prova. É importante, assim como na largada, não seguir corredores mais velozes. Evite, também, se distrair demais. Para compensar um minuto ‘perdido’ em 10 km, é necessário correr seis segundos mais rápido.

(Fontes: Kim Cordeiro, diretor técnico da BK Sports, em São Paulo, e Sidney Togumi, diretor técnico da assessoria esportiva UpFit, em São Paulo)

Clube O2

Escolha já seu Óculos HB!

Compartilhe por email!