Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

Aprenda a abandonar o relógio e a dominar seu pace

Companheiro de muitos corredores, o relógio ou GPS ajudam a marcar e controlar o ritmo. Porém, em algumas situações, essas opções podem não ser a melhor escolha para medir o pace, que é o ritmo ideal do corredor medido em minutos por quilômetros.

Para saber o pace ideal, o corredor precisa analisar o seu esforço físico, os objetivos a serem alcançados com a corrida e, claro, a sua rotina de treinamentos. Veja algumas dicas para você encontrar o seu pace sem ter o relógio como muleta:

Controle

Para alcançar o seu objetivo, dentro de suas limitações, o pace é fundamental para não cometer erros nem exageros que possam abalar o seu desempenho. A forma mais precisa de controlar o pace é utilizar um relógio com sistema de cronometragem "por voltas" ou um aparelho com GPS, mas também é possível perceber seu ritmo sem equipamentos. 

Como saber meu pace?

É preciso medir o ritmo em minutos por quilômetro e marcar em quanto tempo você percorre 1 km. Por exemplo, se a cada 3 km você leva 12 minutos (720 segundos), basta dividir o tempo gasto pela distância percorrida que, neste caso, seria 240 segundos, ou seja, 4 minutos a cada quilômetro.

Relógio x Clima

Um dos problemas de quem vira refém do relógio são as condições climáticas, pois dependendo do desgaste físico que o clima proporciona pode ser necessário uma mudança no pace para se obter o sucesso ao fim do treino. Quando o clima surpreende, tentar manter o mesmo pace pelo relógio pode significar fadiga excessiva.

Vantagens de “esquecer” o relógio em casa:

Correr sem o relógio ou GPS em alguns treinos é muito importante, pois o corredor consegue perceber todo o seu esforço utilizado. Com essa percepção, o próprio atleta pode tomar decisões sobre aumentar ou reduzir o ritmo em uma prova para manter seu pace.

O melhor ajuste do pace é feito usando a percepção que o atleta tem sobre seu esforço, combinado ao clima e uma análise de quantos km ainda faltam para o final da corrida.

Recomendações

Preste sempre muita atenção ao seu desgaste físico e ao esforço utilizado ao longo o treino, tentando associar essa percepção ao ritmo visualizado no relógio. Olhe cada vez menos para o cronômetro e dê atenção aos seus sentidos.

(Fonte: Camilo Geraldi, treinador da assessoria esportiva COGTRI SPORTS – BH)

Calendário

Encontre um evento de corrida perto de você!

Clube O2

Garanta já sua Jaqueta

Compartilhe por email!
[i]
[i]
[i]
[i]
[i]
[i]