Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

6 (bons) alimentos para quem corre

Você pode fazer bom uso de alguns alimentos para tirar melhor proveito nas passadas. Por isso, talvez seja a hora de reavaliar o armário da sua cozinha para fazer melhor uso de alimentos que são boas pedidas quando o assunto é ganho de rendimento ou alívio de dores.

Pimenta
Ela possui antioxidantes com funções bactericidas, que protegem o sistema digestivo, combatem tensões musculares e ajudam no tratamento de reumatismos articulares. Além de realçar o sabor dos alimentos, a pimenta ainda pode ser uma grande aliada dos corredores que precisam perder alguns quilos. De quebra, melhora a digestão e diminui os níveis de colesterol. Termogênica, a pimenta vermelha é rica em capsaicina, substância que estimula a lipólise (utilização de gordura corporal como fonte de energia). Apenas 3g (equivalente a uma colher e meia de chá) por dia são capazes de acelerar a atividade metabólica em 20%.

leiamais-cinza-novo
icon texto_menor  MULTIVITAMÍNICOS-MINERAIS: TODOS PRECISAM DE SUPLEMENTAÇÃO?
icon texto_menor  EXISTE UMA DIETA IDEAL PARA QUEM CORRE?
icon texto_menor  4 MANEIRAS DE MELHORAR A HIDRATAÇÃO

Alho
Rico em substâncias anti-inflamatórias, antivirais, antiparasitárias, antibacterianas e antifúngicas, ele é um ótimo remédio para afastar gripes, resfriados e infecções em geral, que fazem com que você fique longe dos treinos.

Cebola
Por conter vitaminas A, C e E, que reforçam o sistema imunológico, a cebola é uma boa pedida por ter nutrientes que estão envolvidos na síntese do colágeno, no desenvolvimento do tecido conjuntivo, no processo de cicatrização e na melhora da resistência a infecções, assim como auxilia a absorção do ferro e o desempenho do corredor, já que melhora o metabolismo durante a corrida.

Gengibre
Com suas propriedades anti-inflamatórias, o gengibre limpa os canais de microcirculação do organismo, incluindo os seios nasais que tendem a congestionar-se durante a corrida em dias mais frios e secos. Além disso, o gengibre caiu no gosto dos corredores que buscam melhorar o metabolismo, como poderoso termogênico (para perder aqueles “quilinhos” extras), além de ser capaz de amenizar as dores musculares após o treino e eliminar os radicais livres formados durante o exercício.

Orégano
Ele também ajuda no tratamento de problemas respiratórios, como a tosse, o resfriado, o catarro e a inflamação da garganta. Além disso, age nos problemas intestinais, como a flatulência, que causa grande incômodo durante as passadas, já que traz desconfortos ao corredor, e ainda ajuda a eliminar as infecções urinárias.

Alecrim
Atua na melhora da fadiga, da dor de cabeça, na má digestão, evitando a tosse, a sinusite e a bronquite. Ainda fortalece a memória, evita a gastrite e a úlcera estomacal, assim como alivia a cólica menstrual e a tensão pré-menstrual (TPM), fatores que influenciam (e muito) a vida da corredora.

(Fonte: Vivian Ragasso, nutricionista esportiva do Instituto Cohen de Ortopedia, Reabilitação e Medicina do Esporte)

Clube O2

Combo 2 em 1 Clube O2

excluir cat: nao, desativa sempre post: nao, ativa sempre post: nao
Compartilhe por email!