Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

Açaí pode não ser tão saudável quanto você imagina

Carro-chefe em frutarias e lanchonetes brasileiras, o açaí caiu no gosto dos praticantes de atividades físicas como um alimento nutritivo e rico em energia. Utilizada em diversas receitas na região Norte do país, a versão original do açaí, uma pequena fruta redonda, de coloração que varia entre o roxo e o preto, é fonte de vitamina E, carboidratos, proteínas e minerais, além de ter um grande efeito antioxidante, melhorando o sistema imunológico. Então açaí é saudável, certo? Em partes…

Seu sabor real, entretanto, não é nada doce, difere da forma como é conhecido em outras partes do país. Para deixá-lo mais palatável e com uma consistência mais viscosa, semelhante à do sorvete, empresas que produzem a massa acrescentam uma alta quantidade de conservantes, açúcar, gordura vegetal e emulsificantes. O xarope de guaraná, um dos ingredientes do açaí vendido na maioria dos supermercados e lanchonetes, contém frutose, que pode provocar gordura no fígado.

Um estudo realizado nos Estados Unidos e publicado pelo site Stack.com utilizou o açaí na tigela servido pela Robeks, rede de sucos e smoothies presente com 91 lojas espalhadas pelo país, para mostrar se o açaí é saudável como muitos imaginam. Cada porção comercializada na franquia, coberta apenas com fatias de banana e granola, contém 65 gramas de açúcar, o equivalente a uma garrafa de 600 ml de Coca-Cola.

 

Leia mais

Alimentação saudável: comer bem x comer fora

10 mandamentos para uma alimentação saudável

A dieta das cores

 

O acréscimo de conservantes e gordura diminui a concentração da matéria-prima do açaí, o que ajuda a diminuir os custos de produção para os fabricantes. “A polpa autêntica do açaí é diferente dessa mistura porque sua composição leva menos açaí, o que diminui a ação antioxidante. A cor do açaí vem da antocianina, responsável pela ação antioxidante. Quanto mais escura for a polpa do açaí e mais roxa ficarem a boca e os dentes após o consumo, maior a ação antioxidante no nosso corpo”, explica a nutricionista Camilly Fratelli, mestre em Ciências pela Unifesp.

A dica de Fratelli é olhar sempre o rótulo da lista de ingredientes das opções disponíveis em supermercados para checar se o produto leva muitos conservantes. Quanto menos ingredientes, mais saudável é o produto. Ela diz que uma opção de açaí mais saudável pode ser encontrada em feiras orgânicas. “Existem opções de massa só com açaí e água. As pessoas podem fazer em casa a própria mistura, acrescentando banana congelada. A consistência é a mesma”, completa.

Clube O2

Garanta sua jaqueta do Clube O2

excluir cat: nao, desativa sempre post: nao, ativa sempre post: nao
Compartilhe por email!