Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

Correr ajuda o ganho de massa muscular? Nutricionista explica

É comum associar a corrida apenas à perda de gordura e emagrecimento por se tratar de um exercício aeróbio. Entretanto, a modalidade pode ser uma ótima aliada de atletas e corredores que buscam o desenvolvimento de massa muscular. 

Fúlvia Gomes, nutricionista e coordenadora do programa Bio Nutri, da academia Bio Ritmo, explica que a corrida pode ser ajustada em tempos e intensidades para alcançar diferentes objetivos, inclusive o de construir músculos mais fortes. 

Além dos treinos específicos, é importante investir em uma alimentação balanceada e pensada para atingir essa meta. Neste caso, o corredor precisa de alimentos que impulsionam a transformação do corpo, como proteínas formadas por aminoácidos associadas a carboidratos e antioxidantes (vitaminas e minerais).

 

Leia mais

Pré-treino: alimentos para consumir (e evitar)

Termogênicos para corredores: será que ajudam?

Os 5 fatores que te fazem comer mais

 

Segundo Fúlvia, os minerais e vitaminas são essenciais no processo de desenvolvimento de massa muscular. Eles mantêm o equilíbrio e a manutenção do organismo, pois influenciam no funcionamento de glândulas, sistema nervoso e no fortalecimento do sistema imunológico. E não para por aí: as ações das vitaminas e minerais na musculatura estão envolvidas na reparação das fibras musculares e demais tecidos depois do treino. Portanto, se você tem uma dieta equilibrada com o aporte desses nutrientes, terá uma recuperação mais rápida. A nutricionista alerta que os atletas que não se alimentam adequadamente demoram mais para desenvolver massa muscular. Inclusive, a perdem com mais facilidade.

Fúlvia afirma que a maioria das pessoas conseguem obter as vitaminas e minerais necessários por meio da alimentação correta. Em alguns casos, os nutricionistas podem recomendar o uso de suplementos. 

A pedido do Ativo, a expert selecionou os nutrientes indispensáveis para conquistar músculos maiores e mais fortes.

Nutrientes indispensáveis para músculos maiores e mais fortes

Zinco

Auxilia na produção de insulina (que controla o açúcar no sangue) e no desenvolvimento de fibras musculares. 
Fontes: carne vermelha, espinafre, sementes e leguminosas.

Iodo

Possui papel importante na produção de hormônios da glândula tireoide, que regula a síntese de proteínas (parte importante do processo de construção muscular).
Fontes: bacalhau, camarão do tipo vieira e sal.

Magnésio

Outro agente indispensável na formação das fibras musculares.
Fontes: verduras escuras, sementes e castanhas.

Vitaminas do complexo B: 

Vitaminas B2, B6 e folato estão associadas ao bom funcionamento do sistema neurológico.
Fontes: carnes, verduras verde-escuras, batata-doce, pimentão, banana e beterraba.

Cromo

Previne a degradação muscular, ajudando a manter as fibras musculares.
Pode ser achado em: Castanhas, tâmara seca, brócolis, tomate, camarão, ostra, marisco, cogumelo.

Vitamina D

Possui papel importante na musculatura e na ação da insulina.
Pode ser achado em: Salmão, sardinhas, leite de vaca, ovos e cogumelo shitake.

Outra dica da nutricionista para atletas e corredores é combinar um treinamento de força (musculação, por exemplo) com a corrida, e lembra que é importante procurar ajuda profissional para adequar cardápio e treinos.

 

Clube O2

Economize nas provas e escolha seu frequencímetro!

excluir cat: nao, desativa sempre post: nao, ativa sempre post: nao
Compartilhe por email!