Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

Kefir de água: como preparar o probiótico natural

Foto: Shutterstock

A produção caseira de alguns alimentos tem ganhado espaço na dieta de muitos brasileiros.

É o caso do kefir, um probiótico composto por vários micro-organismos como leveduras, lactobacilos e bactérias.

Para quem nunca viu, os grãos do kefir parecem bolinhas de couve-flor de coloração branco-amarelada e aspecto gelatinoso.

A maneira mais comum de consumi-lo é por meio de bebidas fermentadas, principalmente à base de leite de vaca.

Também é possível fazer o kefir de água, uma alternativa para quem não consome produtos de origem animal.

Diferenças entre kefir de água e leite

“O kefir de leite fica semelhante a um iogurte com sabor levemente ácido, enquanto o de água é um pouco adocicado e com a presença de gás.  Fisicamente ficam mais densos e menos elásticos do que os grãos de kefir de leite, por isso, tendem a lascar ou cortar facilmente”, explica Angélica Grecco, nutricionista do Instituto EndoVitta.

As propriedades do kefir de água também são diferentes. Por exemplo, não há tantos lactobacilos e micro-organismos como os encontrados no kefir de leite.

Outra diferença é o modo de preparo. Para atingir a fermentação desejada para o kefir de água, é preciso acrescentar açúcar mascavo aos grãos imersos na água; o de leite, por sua, vez, dispensa o açúcar.


Leia mais

Os 7 alimentos que são ladrões de energia

Naturebas da corrida: como turbinar o corpo do jeito mais natural possível

TOP 5: O melhor da alimentação para corredores

Durabilidade do kefir de água


O kefir de água pode durar uma semana ou meses, dependendo da forma de armazenamento. Se a ideia for conservá-lo por um longo período, o ideal é seguir os passos abaixo:

  • Lave os grãos com água. Escorra e deixe os grãos descansando sobre panos limpos por dois dias, em local bem ventilado.
  • Passado o tempo de secagem, envolva-os em papel de alumínio e guarde em um lugar seco.
  • Para utilizá-los novamente, mergulhe os grãos por uma noite em água para hidratação.

Congelar também é uma opção

Este é um modo de conservação mais simples, sem a necessidade de executa o processo de anterior. Veja:

  • Congele pequenas quantidades. Dessa forma, ao descongelar não será preciso partir um bloco grande, caso necessite de apenas um pouco dos grãos.
  • Armazene uma porção dos grãos em sacos individuais, adicione um pouco de leite e feche o saco.
  • Se for kefir de água, coloque somente os grãos sem adicionar água.
  • Para descongelar, coloque os grãos em leite ou água com açúcar mascavo em temperatura ambiente e aguarde o período de fermentação fora do congelador.

Cuidados para não matar o kefir

O kefir é um “bichinho” delicado. Portanto, é preciso ter alguns cuidados para manter sua durabilidade e seu processo de multiplicação. “Não descongele os grãos de kefir no micro-ondas ou em líquidos quentes, pois pode estragar o produto. O leite utilizado para fermentar os grãos de kefir pode ser desnatado, semidesnatado ou integral. Os grãos de kefir de água devem ser cultivados em água mineral, pois a água com alto teor de cloro ou flúor pode dificultar a fermentação e a multiplicação dos grão”, alerta
Angélica.

Por fim, evite misturar grãos de kefir de água e leite. Se quiser fazer ambos, separe os grãos e coloque-os em potes diferentes.

Clube O2

Combo 2 em 1 Clube O2

excluir cat: nao, desativa sempre post: nao, ativa sempre post: nao
Compartilhe por email!