Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

Kombucha: refrigerante que faz bem

Foto: Shutterstock

Parece um refrigerante, só que natural. Se você nunca experimentou, o Kombucha (kom-bu-tchá) é um chá milenar oriental composto de uma colônia de microorganismos (bactérias xylinum e leveduras).

A bebida, que surge da fermentação do chá preto, verde ou mate misturado com água e açúcar, é rica em probióticos e possui propriedades para melhorar o sistema imunológico. Ajuda, ainda, a regularizar as funções do intestino, aumentar a energia e, até, a perder peso. 

Flávia Cyfer, nutricionista do Espaço Longevitá, explica seus benefícios. “O Kombucha possue efeito antidiabético, antioxidante, antimicrobiano, ajuda a reduzir colesterol e tratar gastrite, promove desintoxicação do fígado e melhorar imunidade. É permitido consumir de dois a três copos do chá por dia.”

Em pesquisas publicadas no Journal of Medicinal Food 2014, pesquisadores da Universidade da Letônia concluíram o seguinte sobre os benefícios para a saúde do consumo do kombucha: “É demonstrado que [kombucha] pode atuar de forma eficiente na preservação e recuperação da saúde devido a quatro propriedades principais: desintoxicação, antioxidação, potências energizantes e promoção da imunidade”.

Energia

Na fermentação do chá, há formação de ferro que, por meio de um processo especial conhecido como quelação, é liberado no sangue e ajuda a aumentar a hemoglobina, melhorando o fornecimento de oxigênio aos tecidos e estimulando o processo de produção de energia (ATP) nas células. Ele também contém cafeína (embora em quantidades muito pequenas) e vitaminas do complexo B. 

Imunidade

Para o sistema imunológico, o Kombucha ajuda na capacidade de controlar os radicais livres e diminui o estresse oxidativo graças a um poderoso antioxidante conhecido como ácido D-sacárico-1, 4-lactona (DSL). Junto com a vitamina C, é um dos principais segredos na proteção contra danos celulares, doenças inflamatórias, tumores e depressão geral do sistema imunológico.

Como achar o Kombucha?

A bebida pode ser feita em casa, mas o processo de produção é artesanal e trabalhoso. Para produzi-la é preciso criar a colônia de microrganismos. O processo é bem parecido com o modo de preparo do kefir.
Os apreciadores da bebida, chamados de kombucheiros, trocam modos de fazer e ideias de ingredientes para acrescentar na bebida em grupos criados nas redes sociais. É até tradição dar o scoby [colônia de bactérias] de presente. 

Onde comprar:

 

Clube O2

Garanta sua jaqueta do Clube O2

excluir cat: nao, desativa sempre post: nao, ativa sempre post: nao
Compartilhe por email!