Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

Termogênicos para corredores: será que ajudam?

Foto: Shutterstock

Obstinados por resultados melhores, os atletas sempre estão à procura de ferramentas que possam ajudar em seu desempenho.  Os termogênicos, por exemplo, já estão há algum tempo no mercado e são procurados por corredores para a queima mais eficiente de gordura. Mas será que vale a pena? 

A nutricionista esportiva Patrícia Oliveira diz que sim: “Eles (termogênicos) agem aumentando a produção de calor e o metabolismo, por inibição da enzima que degrada a noradrenalina, um neurotransmissor que acelera os batimentos cardíacos e a pressão arterial”. Dessa forma, o sangue circula mais rapidamente e oxigena melhor os músculos, além de “recrutar” a glicose armazenada no corpo com mais eficiência.

Um pesquisador canadense analisou a reação dos corredores após o consumo de cafeína – um conhecido termogênico – e os resultados endossam a afirmação de Patrícia. Os atletas testados ingeriam a substância uma hora antes de correr 1500 m, e corredores treinados chegaram a apresentar melhoria de até 4.2 segundos em seu tempo.

Mas engana-se quem acha que os termogênicos são apenas suplementos feitos em laboratórios. É possível tirar proveito de propriedades termogênicas consumindo alimentos encontrados na própria feira: além da cafeína, chá verde, gengibre, canela, pimenta e açafrão são alguns exemplos. Entretanto, a nutricionista alerta: “Sozinhos, esses alimentos não fazem milagre se não haver preocupação com a alimentação aliada à prática regular de exercícios. Dessa forma, podem acelerar o metabolismo de 4 a 6%”, ela indica.

Além disso, o consumo indiscriminado de termogênicos pode causar efeitos colaterais como sudorese, aumento da frequência cardíaca, insônia e alterações de humor. “Portanto, pessoas com problemas cardíacos ou que fazem uso de medicamento devem evitá-los. Sem falar que cada organismo reage à substância de formas diferentes”, esclarece Patrícia. Por isso, a especialista reitera a importância de consultar um nutricionista ou médico antes de consumir qualquer tipo de suplemento. 

 

Leia mais

Pré-treino: alimentos para consumir (e evitar)

Por que os homens devem beber mais água que as mulheres

Os benefícios de tomar água com limão de manhã

excluir cat: nao, desativa sempre post: nao, ativa sempre post: nao
Compartilhe por email!