Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

Daniela Ryf quebra recorde mundial do Ironman 70.3

A suíça Daniela Ryf estabeleceu um novo recorde mundial do Ironman 70.3, neste fim de semana. Ela venceu o Ironman 70.3 Gydinia, na Polônia, com o tempo de 3h57min54s, depois de nadar 1.9 km, pedalar 90 km e correr 21 km.

A antiga melhor marca da história da franquia nesse tipo de prova era da britânica Julie Dibens, que venceu o 70.3 de Clearwater de 2009, com 3h59min33s.

A nova recordista usou a prova na Polônia como preparação para o Campeonato Mundial de Ironman 70.3, marcado para 1º de setembro em Nelson Mandela Bay na África do Sul – a suíça já tricampeã do evento. Lá, 6.000 atletas devem participar da prova.

Em Gydynia, Ryf foi a sexta colocada da classificação geral, levando em conta os dois gêneros – apenas cinco homens cruzaram a linha de chegada antes dela.

A marca da suíça foi apenas 20s mais lenta do que a do quinto colocado, Aleksey Kalistrov (3h57m34s), e ficou a 10m14s do tempo do ganhador masculino do evento, Timothy O’Donnell.

A atuação de Ryf foi tão dominante sobre suas adversárias que ela venceu a prova na Polônia com 23 minutos de frente sobre sua principal rival no dia, a  australiana Mirinda Carfrae.

 

Leia mais

Como vaquinha levou "amadora" ao 8º lugar do Ironman de Frankfurt

Igor Amorelli é campeão no Ironman 70.3 Equador

Tecnologia no triathlon: solução ou problema?

 

Clube O2

Economize ainda mais com o Clube O2

excluir cat: nao, desativa sempre post: nao, ativa sempre post: nao
Compartilhe por email!