Receba nossa newsletter e fique por dentro do mundo do esporte!

PUBLICIDADE

Ciclista de 90 anos é pego no doping e perde título nos EUA

Foto: Reprodução

Um ciclista amador de 90 anos de idade foi flagrado no exame antidoping e perdeu o título e o recorde mundial que havia conquistado. Carl Grove testou positivo para duas substâncias ilegais, em amostra coletada no dia em que venceu a prova de sprint para atleta de 90 a 94 anos de idade no Campeonato Americano de masters.

Grove foi o único participante da prova do evento, no dia 11 de julho de 2018, e estabeleceu novo recorde mundial da prova para a categoria com atletas até 94 anos.

O ciclista tentou se defender do resultado, alegando que ingeriu epitrembolona (um metabólito da substância proibida trembolona)indiretamente, ao comer um pedaço de carte contaminada na noite anterior da prova.

O argumento foi o mesmo utilizado por Alberto Contador após testar positivo no Tour de France – à época, o espanhol foi suspenso por dois anos.

A Agência Norte-Americana Antidoping (Usada) rechaçou o argumento de Carl Grove. Durante a investigação para determinar a fonte da substância proibida, a organização também descobriu que um suplemento tomado pelo ciclista de 90 anos continha outra substância proibida: clomifeno.

A Usada declarou publicamente que, como sua amostra positiva foi coletada em competição, o atleta foi desclassificado do campeonato realizado em 11 de julho de 2018, tirando o título de campeão e o recorde estabelecido por Carl Grove. Demais punições e uma possível suspensão não foram divulgadas. 

 

Leia mais

Yellow chega a Campinas e Belo Horizonte e expande área de atuação

Bike elétrica da Uber chega ao Brasil em 2019

Saiba como aliar a musculação ao treino de bike

Calendário

Encontre um evento de bike perto de você!

excluir cat: nao, desativa sempre post: nao, ativa sempre post: nao
Compartilhe por email!